sexta-feira, 31 de outubro de 2014

VIOLÊNCIA: Menor é assassinado a facadas na cidade de Buriti dos Lopes

De acordo com informações preliminares, o menor teria sido assassinado com três facadas, uma delas nas costas.
Um jovem identificado pelo nome de Das Chagas de aproximadamente 19 anos de idade, matou um menor de aproximadamente 16 anos, identificado como Anderson, vulgo Mucura. O crime ocorreu por volta das 13H45 desta sexta-feira (31), na Rua Joaquim Camilo de Freitas, bairro Camundá na cidade de Buriti dos Lopes.

De acordo com informações preliminares, o menor teria sido assassinado com três facadas, uma delas nas costas. A Polícia Civil está no local aguardando a chegada do IML (Instituto Médico Legal) para fazer a remoção do corpo, e colhendo informações sobre o que possa ter motivado o crime.
Nossa reportagem entrou em contato com o sargento da PM, Arimatéia, e o mesmo nos informou que uma equipe da Polícia estava realizando buscas na tentativa de prender o criminoso. Até o fechamento dessa matéria, o assassino não havia sido localizado.

Aguarde novas informações...

E aí, Sheherazade? Seus “justiceiros” eram traficantes. É compreensível?

Vocês lembram, certamente, do caso do adolescente negro, espancado e acorrentado a um poste no Flamengo, não é?
E lembram também quando Rachel Sheherazade, disse que era “compreensível” que rapazes de bem, ameaçados violência, reagissem assim, não é?

E ontem veio a notícia.

Os “bons rapazes” eram…traficantes de drogas!

Nos seus apartamentos, em Laranjeiras, Catete e Flamengo, na Zona Sul do Rio, foram apreendidos, segundo a polícia, além de R$ 27 mil em dinheiro, vários tipos de drogas, material para endolação, balança de precisão, armas e…máscaras de “Anonymous”.

É “compreensível”, Dona Sheherazade?

Mesmo que não seja, ninguém aqui quer amarrá-los no poste. colocar uma corrente em seus pescoços, chutá-los e humilhá-los.

Têm direito a defesa, a julgamento, a respeito em sua condição de – apesar do que fazem – pertencerem à espécie humana.

Tanto quanto o rapaz negro do poste, que nunca teve 1% do que estes rapazes tiveram.

Eu, um motorista ilegal. E agora, José?

A Carteira de Motorista venceu e fui renovar. Paguei a taxa de cento e poucos reais. Botei digital, bati retrato.
Gastei mais R$ 65 por uma consulta médica de meio minuto. O doutor lá olhou na minha cara, murmurou alguma coisa, mediu minha pressão e rubricou a folha em dois lugares.

Pensei o quanto a assinatura desses médicos custa caro… Pelo menos retornei ao Detran com todos os “ok” que a papelada exigia.

“A CNH fica pronta em até 3 dias úteis”, iludiu-me a servidora do Detran. Antes, ela havia contado como é ruim estar há três meses sem receber. Foda mesmo. O dinheiro não chega, as contas sim. E você ali naquela situação de merda, sem saber se continua a trabalhar, na esperança da grana cair na conta, ou se desiste e para de perder tempo.

Enfim…

Sei que a partir do prazo que ela assinalou voltei ao posto do Detran ali na Av. João XXIII, em Teresina. Uma, duas, três, quatro vezes. Na falta da CNH, sobraram desculpas: “Não tá pronta ainda.”; “O malote atrasou.”; “Num sei porque não tá aqui ainda.”; “Ligue pra esse número pra saber. Evita dar viagem perdida.”

Até que a criatividade do pessoal acabou e eles acharam por bem ser sinceros. Sem receber pelo serviço há meses, a gráfica que imprime o documento parou. É isso. Por falta de papel, o próprio Departamento de Trânsito me tornou um motorista irregular.

“Se cair numa blitz é capaz do Detran me multar”, resmunguei pra um servidor ao deixar o órgão. “Nem se preocupe”, tentou me tranquilizar. “As fiscalizações também tão paradas porque não tem gasolina pros carros.”

Se a eleição é uma festa, Zé Filho tá curtindo uma ressaca desgraçada. As contas do governo na pendura, os papeis sobre a mesa, o Karnak sem governador. A farra foi grande.

E agora, José? A festa acabou, a luz apagou, o povo sumiu, (…) e agora, José? e agora, você (…) que zomba dos outros, que (…) está sem discurso, (…) a noite esfriou, o dia não veio, o bonde não veio, não veio a utopia e tudo acabou e tudo fugiu e tudo mofou, e agora, José? (…) sua incoerência, seu ódio – e agora? Com a chave na mão quer abrir a porta, não existe porta. (…) José, e agora?
Pisei Chão

CHACINA NO PIAUÍ: População está chocada com chacina que vitimou cinco pessoas

Uma comunidade rural chamada Palmeira de Cima, localizada a 40km de São Miguel do Tapuio, foi palco de uma chacina no início da tarde desta quinta-feira (30). Segundo informações da Polícia Militar, um homem matou sua mulher, mais quatro pessoas e teria ferido outros. O autor dos crimes fugiu e a polícia suspeita que ele esteja na região da cidade e faz buscas nas redondezas.
De acordo com o sargento Cunha, comandante da Força Tática de Campo Maior, que está em São Miguel do Tapuio, populares disseram que a motivação do crime seria porque os moradores de uma comunidade rural teriam feito abaixo assinado para a expulsão do suspeito de cometer os homicídios do local, pois ele estaria aliciando jovens para entrar no tráfico de drogas.

Sabendo disso, conta o sargento, o assassino comunicou à mulher que ia matar algumas pessoas em represália, mas ela discutiu com ele pedindo que não fizesse nada. A discussão ficou pior e ela acabou sendo assassinada dentro de casa. Em seguida o suspeito teria ido à casa do líder comunitário, que teria capitaneado o abaixo assinado, e o matou junto com seu neto. Após a terceira morte, o suspeito teria se dirigido a um comércio e assassinado o proprietário e, por fim, matou um professor dentro de uma escola. Os cinco corpos ainda estão nos locais dos crimes.

Os moradores da cidade estão com medo. O comércio fechou assim que a população soube da chacina. As pessoas tracaram suas portas e evitam transitar pelas ruas. O dono de um bar, que preferiu não se identificar, disse que fechou seu estabelecimento por temer o autor dos homicídios, que seria um homem conhecido por praticar o tráfico de drogas. "Eu não sei nem que dia irei abrir novamente o meu bar. Estamos todos com medo dessa pessoa", contou.

Governador Zé Filho cancela contratos de R$ 3,5 milhões da Vila Olímpica de Parnaíba

O governo do estado, através da Fundação dos Esportes do Piauí (Fundespi) rescindiu dois contratos com a Construtora Getel referentes às obras da Vila Olímpica de Parnaíba, que enfrenta problemas junto ao Tribunal de Contas da União. Os contratos foram suspensos em junho mas, só agora foram publicadas as rescisões.
Foram cancelados contratos nos valores de R$ 800 mil referentes à terraplanagem e outro no valor de R$ 2,7 milhões da construção de arquibancada, cercas e quadras.
A obra está barrada pelo Tribunal de Contas da União e, apesar de já ter sido iniciada, já sofreu problemas como erosão e outros problemas que acarretaram na bloqueio de recursos por parte do TCU. A obra deveria custar aos cofres públicos R$ 200 milhões. (Por: Aquiles Nairó)

Cartão de Estacionamento Prioritário pode ser expedido na Setransafs

A Secretaria Municipal de Transporte, Trânsito e Articulação com as Forças de Segurança (Setransafs) informa às pessoas maiores de 60 anos e portadores de necessidades especiais que ainda não renovaram, ou que dispõem da autorização em forma de adesivo, que já podem  providenciar a troca pelo cartão de estacionamento.
Para solicitar o cartão a pessoa deverá comparecer à sede da Prefeitura de Parnaíba, na Setransafs, levando cópias dos documentos: CPF, Carteira de identidade, Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e comprovante de residência, sendo que para as pessoas com necessidades especiais será obrigatório o laudo médico atual.

O cartão é uma autorização especial para o estacionamento em vagas prioritárias nos locais públicos ou em outros locais que tenham placas de sinalização na cidade. O cartão é gratuito e válido em todo território nacional, com prazo de validade.

É importante lembrar que a expedição do cartão não anula a função do adesivo desde que esteja dentro do prazo de renovação conforme estabelece o Código de Trânsito Nacional. Ao estacionar o carro na vaga especial, o motorista deve deixar o Cartão de Estacionamento sobre o painel, de forma visível e com a frente voltada para cima. Ascom

Eleita mais sexy, Bruna Marquezine faz seu primeiro ensaio sensual

Eleita a mais sexy pelos leitores da "VIP", Bruna Marquezine estampa a capa da edição de novembro da revista, que chega às bancas nesta sexta-feira (31).
Segundo a publicação, a atriz de 19 anos é a vencedora mais jovem da história da votação, realizada desde 1998. Em seu primeiro ensaio sensual, Bruna posou para o fotógrafo Gerard Giaume em Fernando de Noronha, em Pernambuco.

A revista ouviu mais de 314 mil leitores para escolher a lista 100 + Sexy. No ano passado, Bruna apareceu pela primeira vez na lista, em terceiro lugar. A vencedora de 2013 foi a atriz Paolla Oliveira, que estava no ar com a novela "Amor à Vida".

Calçadão Cultural da Beira Rio desta sexta-feira com Gregório Neto

Moedas de R$ 1, R$ 5 e R$ 10 serão lançadas em comemoração as Olimpíadas


As moedas comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos 2016 devem começar a circular já em novembro deste ano, de acordo com o Banco Central (BC). Segundo a Casa da Moeda, ao todo, serão 36 moedas com diferentes desenhos, que serão lançadas em quatro etapas.


O pacote comemorativo conta com 16 moedas de R$ 1, de circulação comum; quatro de ouro, de R$ 10 e 16 de prata, de R$ 5. As moedas de R$ 1 terão de um lado o valor e do outro as diferentes modalidades olímpicas. As de R$ 5 terão quatro séries, Fauna, Flora, Arquitetura e Música.

Ainda de acordo com a Casa da Moeda, as outras três fases de lançamento, estão previstas para fevereiro de 2015, agosto de 2015 e fevereiro de 2016. Em cada lançamento, serão emitidas quatro novas moedas de circulação comum, quatro de prata e uma de ouro. (CNM)

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Jovem chama maranhenses de "vagabundos e analfabetos" no Twitter

A jovem identificada por Karine Melchior usou sua conta no Twitter para criticar de forma racista e preconceituosa os nordestinos, em consequência do grande número de votos dados à presidente reeleita, Dilma Rousseff, no segundo turno destas eleições de 2014.
Nas postagens, Karine cita o estado do Maranhão afirmando que os maranhenses são "vagabundo, analfabeto e burro". Ela alega ser filha de empresário, sobrinha de procurador e fazer parte da elite do Brasil, justificando que por estas razões nada pode acontecer contra ela e suas opiniões na rede social.
Meio Norte

Descoberta a farsa da Revista Veja para prejudicar reeleição de Dilma

Asituação da revista Veja e da Editora Abril, que atingiu o fundo do poço da credibilidade no último fim de semana, com a capa criminosa contra a presidente Dilma Rousseff, acusada sem provas pela publicação, pode se tornar ainda mais grave.
Reportagem do jornal Valor Econômico, publicada nesta quinta-feira, revela algo escandaloso: o "depoimento" do doleiro Alberto Youssef que ancora a chamada "Eles sabiam de tudo", sobre Lula e Dilma, simplesmente não existiu.

Foi uma invenção de Veja, que atentou contra a democracia, tirou cerca de 3 milhões de votos da presidente Dilma Rousseff e, por pouco, não mudou o resultado da disputa presidencial, ferindo a soberania popular do eleitor brasileiro.

Quem afirma que o depoimento não existiu é ninguém menos que o advogado Antônio Figureido Basto, que representa o doleiro. "Nesse dia não houve depoimento no âmbito da delação. Isso é mentira. Desafio qualquer um a provar que houve oitiva da delação premiada na quarta-feira", disse ele.

Basto também nega uma versão pró-Veja que começou a circular após as eleições – a de que Youssef teria feito um depoimento e depois retificado. "Não houve retificação alguma. Ou a fonte da matéria mentiu ou isso é má-fé mesmo", acusa o defensor de Youssef.

Com isso, a situação de Veja torna-se delicadíssima. No fim de semana, a publicação passou por uma das maiores humilhações de sua história, ao ser obrigada a publicar um direito de resposta contra um candidato – no caso, a presidente Dilma Rousseff – em pleno dia de votação.

Agora, a revista pode ser condenada a circular neste próximo fim de semana com uma capa e páginas internas, também com direito de resposta. A decisão está nas mãos do ministro Teori Zavascki, que pode decidir monocraticamente – ou levar a questão ao plenário do Supremo Tribunal Federal. Mas mesmo no plenário Veja tende a perder. Afinal, como os ministros justificariam o direito de informar uma mentira, com claras finalidades eleitorais e antidemocráticas?

CAOS NA SEGURANÇA DO PIAUÍ: Viaturas quebradas, sem combustível e policiais são avisados: 'se virem'

Uma viatura do 13º Batalhão da Polícia Militar (BPM) parou na manhã de quarta-feira em trecho da estrada que liga a região do Poti Velho, na zona Norte, ao conjunto Nova Theresina, na zona Leste de Teresina, por problemas do motor e no pneu, que estava rasgado. Os policiais ficaram fora da viatura, que não podia continuar a viagem. Mas os dois policiais insistiram e conseguiram continuar, mas com o motor emitindo um estranho barulho e o pneu rasgando sua própria borracha.
Na Delegacia do 22º Distrito Policial, os policiais afirmaram que estão recebendo dez litros para cada viatura fazer plantão de 12 horas. “Muitas vezes, os policiais querem fazer a ocorrência, mas as viaturas estão quebradas ou sem combustível”, declarou Maria Alice., dona de casa que mora no bairro Santa Maria da Codipi, na zona Norte de Teresina.

Os veículos da Polícia Militar estão recebendo 20 litros de combustível por dia e os policiais são avisados: “se virem”. Na Delegacia do 25º Distrito Policial, no bairro Anita Ferraz, na zona Sudeste de Teresina, uma caminhonete L-200 já está deteriorada e sem a identificação foi apagada com o tempo. “Ainda estamos usando a viatura. Aqui tem ruas sem calçamento que é preciso de uma caminhonete assim para se chegar lá”, afirmou no agente da Polícia Civil Francisco das Chagas, que trabalha na Delegacia do 25º Distrito Policial.

A diretora de Transportes da Secretaria Estadual de Segurança Pública, Albina Santos, afirmou que não é verdade que está faltando combustível para as viaturas das Polícias Civil e Militar. “Não é é verdade. Não está faltando combustível. Esses problemas não têm sido registrados na Diretoria de Transportes”, falou Albina Santos.

O Ministério Público do Trabalho no Piauí (MPT) indagou através de ofício ao Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado (Sinpolpi) se aquela entidade tem conhecimento da medidas adotadas pelo parte do Governo do Estado, de medidas para sanar graves irregularidades apontadas no relatório de inspeção da Divisão Estadual de Vigilância Sanitária (Divisa), no Complexo Policial da cidade de Picos ou se há previsão de construção de um novo complexo. Antes de responder a diretoria da entidade lembra que em Picos os prédios das delegacias estão abandonados há anos e o Complexo de segurança funciona em um prédio alugado. 
No documento que é assinado pela procuradora do Trabalho Christiane Alli Fernandes, foi encaminhada uma cópia do citado relatório cuja inspeção foi realizada no dia 28 de maio deste ano e dentre as irregularidades constatada pela equipe da Divisa estão as péssimas condições do prédio, onde são citadas, a penúria em que se encontram os banheiros onde se percebe de cara o uso de material velho, quebrado e a completa falta de higiene.

O relatório cita ainda que a questão de falta de limpeza atinge todo o prédio “principalmente no pátio externo com muito mato e lixo, grande quantidade de material em desuso e superlotação de carros e motos apreendidos o que dificulta a circulação na área externa”, diz o documento. Segundo o presidente do Sinpolpi, Constantino Júnior, a resposta ao ofício do MPT será encaminhada por toda esta semana e nela será informada que nenhuma providencia foi tomada por parte do Governo do Estado para sanar as irregularidades constatadas pela equipe da Divisa. O presidente da entidade disse que vai solicitar a interdição do prédio ao Ministério Público e exigir que o Governo do Estado faça as reformas de três prédios públicos que estão abandonados.

TCE mostra que setor de licitações do Detran-PI é uma zorra

O Tribunal de Contas do Piauí (TCE-PI) constatou, ao fazer uma diligência no Departamento de Trânsito do Estado, que o setor de licitações do DETRAN é algo que funciona sem nenhum profissionalismo. É uma verdadeira zorra. Sem nenhum controle. A coisa fica mais preocupante quando há suspeitas de que lá dentro existam licitações feitas para beneficiar não ao contribuinte, mas a nomes certos do setor empresarial.

É nesse contexto que o pregoeiro do DETRAN, Manoel Genival Flor da Silva, é uma das peças chaves para se desvendar o que estava por trás do Pregão Presencial Nº 02/2014, uma licitação da ordem de R$ 34 milhões, suspensa pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) após suspeitas de “indícios de direcionamento”, conforme sustenta relatório da Divisão de Acompanhamento Concomitante de Licitações e Contratos (DALC), órgão técnico do Tribunal.

O pregão presencial seria para “a contratação de empresa especializada em manutenção de equipamentos de informática (hardware) e outros”. Mas após denúncias, uma equipe da DALC, subordinada à Diretoria de Fiscalização Especializadas (DFESP) do TCE, foi in loco acompanhar os bastidores que antecediam a abertura dos envelopes, prevista para ocorrer no último dia 10 de setembro. O que constataram foram procedimentos suspeitos.

Não à toa relatório do grupo de técnicos do TCE que foi ao DETRAN é bastante claro. “Diante das diligências prévias realizadas por esta divisão e da análise inicial dos expedientes administrativos acompanhados, foi possível se arrolar uma série de irregularidades, em especial no tocante ao edital do certame, que traz várias cláusulas consideradas potencialmente restritivas à competitividade e/ou que denotariam indícios e direcionamento de licitação”.

PREGOEIRO FLOR ERA UM HOMEM QUE SUMIA
Em meio a esse emaranhado de suspeitas, chama atenção para o comportamento do pregoeiro Manoel Genival Flor da Silva, que vez ou outra sumia com as informações sobre um processo licitatório envolvendo R$ 34 milhões. Foi o que ocorreu quando a equipe da DALC constatou que o aviso da referida licitação não havia ainda sido cadastrado no sistema de licitações web da Corte, mesmo já tendo sido publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) uma semana antes.

“Em 05.09.2014, uma semana exata após a data da publicação do aviso no DOE-PI, a equipe desta DALC entrou em contato telefônico com o setor responsável solicitando informações adicionais sobre o certame. Na oportunidade, obteve-se a informação de que o pregoeiro oficial, Sr. Manoel Genival Flor da Silva, estaria de posse dos autos do processo (...)” e que não estaria no momento. Esse é um trecho do relatório apresentado pela equipe do TCE.

Após a ligação, no entanto, o Pregão Presencial Nº 002/2014 foi cadastrado no licitações web do TCE pela servidora do DETRAN de nome Aylla Monção Mascarenhas, responsável por prestar as informações. Já no primeiro dia útil posterior mais uma surpresa. “Em vistoria aos mencionados registros no licitações web, a equipe da DALC constatou que o arquivo eletrônico fora enviado em branco, sem nenhuma informação”, diz o relatório da DALC.

E aqui mais uma vez o nome de Genival Flor surge novamente, menos ele. “Após novo contato telefônico, obteve-se a mesma informação de outrora: quaisquer informações seriam prestadas pelo pregoeiro oficial, Sr. Manoel Genival Flor da Silva; o mesmo estaria de posse dos autos da licitação e não estaria presente no momento”.

Essa explicação repetida levou servidores do TCE a se deslocarem ao DETRAN no dia 8 de setembro para verificar a procedência das informações e a legalidade e lisura do certame. “Mais uma vez obteve-se a informação de que o pregoeiro oficial estaria de posse dos autos e não estaria presente na sede do órgão, motivo pelo qual não foi colhido comprovante de recebimento pessoal no ofício de apresentação”.

Narra ainda a equipe do TCE que “solicitou-se, então, cópia integral do instrumento convocatório. Diante da negativa em fornecê-lo, alegando-se impossibilidade material pela indisponibilidade dos autos, obteve-se versão eletrônica do mesmo em pen drive, ainda assim incompleto por estar desacompanhado de todos os anexos pertinentes”.

ENDIVIDAMENTO DO ESTADO: Governador Zé Filho encaminha à Alepi pedido de aprovação de empréstimo milionário

Ainda que esteja ausente de compromissos oficiais desde a derrota  nas eleições, o governador Zé Filho encaminhou dois projetos de Lei à Assembleia Legislativa do Estado.

O projeto de Lei nº 47/2014, de 6 de outubro de 2014, que permite a  transferência de despesas não pagas pelo atual governador Zé Filho (PMDB) com recursos da chamada Fonte 00 para o próximo governo, foi aprovado e gerou polêmica entre os parlamentares. 

O deputado petista Merlong Solano chegou a acusar os deputados estaduais de terem “legalizado” um suposto desvio de R$ 90 milhões na previdência do Estado.

Ontem (28) a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Alepi analisou o projeto de autoria do governo do Estado com pedido para contratação de financiamento junto à Caixa Econômica Federal no valor de R$ 232.772.193.78.  

Se aprovado, o empréstimo, segundo o líder do governo na casa, deputado João Madson (PMDB), será aplicado na construção de obras de mobilidade urbana. “A intenção é melhorar a infraestrutura e dar continuidade às obras paradas, como o rodoanel, duplicações de vias”, explicou.

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

O que Dilma quis dizer: “Não vai ficar pedra sobre pedra”

Por volta das 19 horas de domingo, faltando uma hora para o TSE divulgar o resultado da eleição presidencial devido ao fuso horário que fez o Norte do país continuar votando enquanto as outras regiões já tinham encerrado a votação, sintonizei a Globo News. O semblante dos comentaristas já indicava que Dilma Rousseff fora reeleita.

Comentei com a esposa que o semblante sobretudo de Merval Pereira era escandaloso. Mais escandaloso do que os dos colegas de bancada. Renata Lo Prete, Cristiana Lobo e Gerson Camarotti  ainda tentavam disfarçar o abatimento, pois, tal qual este que escreve, já sabiam que Dilma derrotara Aécio Neves. Merval, não. Exibia, despudoramente, sua tristeza.

Este blogueiro, àquela altura, também já sabia que Dilma estava reeleita. E bem antes das 19 horas. Às 18 horas em ponto, postei no Twitter a mensagem abaixo.
Faltando 2 minutos para as 19 horas, pouco antes de sintonizar a Globo News, postei na mesma rede social a confirmação que recebi de uma fonte palaciana de que Dilma Rousseff já era a presidente reeleita do Brasil.
Sintonizei a tevê na Globo News devido a um lado obscuro da alma que me fez querer ver justamente o que encontrei: os semblantes combalidos dos comentaristas tucanos daquela concessão pública, que não apenas não disfarçavam a dor pela vitória de Dilma, mas tratavam de criticar a presidente e exaltar o que pareceram querer insinuar que fora uma espécie de “vitória moral” de Aécio.

Quem tiver estômago, confira aqui a lenga-lenga partidarizada daqueles que deveriam oferecer análises ao espectador, não a doutrinação política que praticam naquela emissora dia após dia. Inclusive de forma ilegal, pois a faixa do espectro radioelétrico que ocupa a Globo News é concedida à família Marinho, mas não pertence a ela.

Quando gente desinformada reclama da desinformação

As meninas do Jô

Elas não conseguiram esconder o luto.

Jô começa o programa pedindo para dizerem o que acharam do resultado das eleições.

Desânimo geral.

Lilian Witte Fibe pergunta se pode se abster de falar…

Depois é a vez da colega dizer que o governo tem que abrir o olho pois quem votou branco e nulo deu um recado nas urnas.

Tadinha, alguém precisa explicar melhor a ela sobre esse mito, acho que está desinformada (deixa o FHC saber disso).

Por falar em desinformação, é a vez do próprio apresentador demonstrar sua ignorância, tecendo comentários constrangedores sobre tema que não domina, que é a regulamentação da mídia.

Elas fazem coro e dizem, quase em uníssono, que tem muito medo da censura.

Aí, com esse nível de profundidade, uma delas ainda encontra tempo para dizer que fica muito preocupada com as pessoas “desinformadas” que acreditam em boatos e nas besteiras que se fala por aí (pausa para muitos risos).

Antes de encerrar o primeiro bloco, Jô pergunta sobre “esse tal” de plebiscito para Reforma Política.

Uma olha pro lado, a outra mexe o cabelo, até que uma delas, a mesma que pediu pra se abster de falar no começo, grita: Chiiiiii…

Fui dormir torcendo pra não sonhar com aquela gente bem informada.

Prefeitura de Parnaíba participa da XXII Conferência Nacional dos Advogados

A XXII Conferência Nacional dos Advogados, realizada entre os dias 20 e 23 de outubro no Rio de Janeiro, e considerado o maior evento jurídico da América Latina, contou com a participação da Prefeitura de Parnaíba este ano.
O evento abordou temas vitais ao interesse público através de diversos espaços de  discussão como: painéis, palestras, debates e bate-papos. Todos com o propósito de buscar rumos e objetivos para a superação dos desafios e reafirmar o espaço reservado à advocacia no mundo.
  
A Prefeitura Municipal de Parnaíba através da Superintendência de Turismo, representada pela Coordenadora Geral de Projetos e Programa Turísticos Myllena Caetano, em parceria com a OAB Piauí com o intuito de divulgar a Capital do Delta, possibilitou aos participantes do evento acesso direto às informações dos atrativos e atividades turísticas do Piauí, dando ênfase as belezas naturais do litoral parnaibano, através das divulgações de vídeos promocionais do município e entrega dos guias de bolso, elaborado pela Prefeitura de Parnaíba.
De acordo com a Coordenadora Myllena Caetano “a participação no evento foi um sucesso, conseguimos expor nossa cultura, gastronomia e destinos turísticos da região, que por sinal foi muito bem recebido, além de nos proporcionar troca de experiências e contatos com os outros estados participantes”.

JORNALISTA DA GLOBO: Nordeste é retrógrado, subalterno, atrasado, pouco educado, 'bovino' e tem dificuldade para se modernizar

Já virou rotina e é esperado. Sempre que acontece o final de uma eleição presidencial, desde que o PT assumiu o poder no país, isso lá no ano de 2003, as ofensas e ironias contra o Nordeste explodem por tudo quanto é lado e vem dos mais diversos segmentos, inclusive da imprensa. Isso mesmo, da imprensa.
Em um dos programas mais respeitados da GloboNews, o Manhattan Conection, apresentado por Lucas Mendes, o escritor e colunista Diogo Mainardi destilou todo o seu ódio contra os nordestinos. Ele comentava a vitória do PT e da presidente Dilma e repentinamente saiu com o diálogo abaixo transcrito.

"O Nordeste sempre foi retrógrado, sempre foi governista, sempre foi BOVINO, sempre foi subalterno em relação ao poder, durante a ditadura militar, depois com o reinado do PFL e agora com o PT. É uma região atrasada, pouco educada, pouco construída que tem uma grande dificuldade para se modernizar na linguagem. A imprensa livre só existe da metade do Brasil para baixo. Tudo que representa a modernidade tá do outro lado" - disse Diogo Mainardi.

Coordenador do Posto Avançado do IML de Parnaíba pede exoneração

O Posto Avançado do Instituto Médico Legal (IML) de Parnaíba está sem coordenador. O órgão era chefiado pelo perito médico legal Charles Pitter Andrade Santos, que na manhã desta terça-feira (28/10) pediu exoneração do cargo por conta da demanda e a precariedade dos recursos humanos e materiais.

O comunicado foi entregue ao delegado Rodrigo Moreira, titular da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Parnaíba para que o delegado geral de Polícia Civil do Piauí, James Guerra, tome conhecimento. O Piauí é composto por 224 municípios e possui dois institutos médicos legais. 

O de Parnaíba apresenta deficiências como duas geladeiras e um gerador de energia que não funcionam; dois funcionários terceirizados, sem contar os vigias, que fazem trabalhos administrativos e remoção de corpos.

O IML de Parnaíba atende a toda região circunvizinha e as exigências são muitas, diante do pouco retorno estrutural ofertado. Os funcionários lamentam pelo pedido de exoneração feito, já que o coordenador é bem quisto devido ao compromisso e aos relevantes serviços prestados.

Aliados de Aécio buscaram apoio de Joaquim Barbosa até o último minuto


Os tucanos tentaram, até o último momento, obter uma declaração do jurista Joaquim Barbosa em prol do presidenciável Aécio Neves.


De um lado, a pressão veio de filiados do PSDB como o sociólogo Bolívar Lamounier.

De outro, de amigos que esperavam que Barbosa ajudasse Aécio, seu amigo, a chegar ao Planalto.
Época
 
Copyright (c) 2008-2010 FerramentasBlog.com | Tecnologia do Blogger | Sobre LemosIdeias.com | Não são autorizadas obras derivadas.