Vídeo íntimo com imagens de estudante circula no PI


A estudante Bruna Gabriele
A Justiça de Esperantina condenou, na manhã desta quinta-feira (26), a senhora Teresa Silva Carvalho a pagar, a titulo de composição civil, o valor de R$ 2 mil reais, em virtude da produção de um vídeo íntimo que teve como vitima a jovem Bruna Gabriele Nascimento Aguiar.

De acordo com a decisão judicial, os valores citados acima serão divididos em dez vezes, com o primeiro vencimento datado para o dia 10 de agosto do ano em curso.

Vale ressaltar que além da indenização, a mãe das adolescentes responsáveis pela produção do referido vídeo erótico foi obrigada ainda a pedir desculpas formais a vitima.

Entenda o caso
A estudante Bruna Gabriele relatou que duas ex-amigas suas conhecidas na cidade como Dyerle e Dyarle, que são gêmeas, fizeram uma montagem de algumas cenas de sexo explicito envolvendo um casal e que em seguida juntamente com o apoio de outros colegas e com a ajuda da própria mãe começaram a espalhar na cidade afirmando que aquelas imagens seriam suas, que tinha como principal objetivo prejudicar a sua imagem perante a sociedade em geral.


Segundo a vitima, embora as imagens do vídeo não sendo suas, mesmo assim, de certa forma atrapalhou a sua vida, e no entanto, por se sentir prejudicada foi obrigada a levar o caso ao conhecimento das autoridades policiais, que realmente constaram o prejuízo de sua imagem.

Bruna Gabriele que atualmente é casada e mãe de uma filha recém nascida, falou que a Justiça foi feita e que sirva de exemplos para que outras pessoas, pensem antes de agir da forma, como as suas ex-colegas agiram.

“O dinheiro não vai pagar o que eu passei, mas a Justiça maior é a de Deus e essa não falha”, disse a estudante. A estudante revelou que vai aguardar ainda, o julgamento das outras pessoas envolvidas também com a montagem e a propagação do referido video que prejudicou a sua imagem perante a opinião pública no municipio.

Vale ressaltar que o acordo entre ambas as partes contou com a participação do advogado Francisco de Sousa Lira que acompanhou a sua cliente Teresa Silva, enquanto o advogado Hamilton Resende Filho, esteve acompanhando a jovem Bruna Gabriele.
jornalesp


 
Copyright (c) 2008-2010 FerramentasBlog.com | Tecnologia do Blogger | Sobre LemosIdeias.com | Não são autorizadas obras derivadas.