Conselho Regional de Odontologia fecha três clínicas irregulares em Parnaíba imprimir publicado em: 16 / 03 / 2019

Começou nesta quinta-feira (14), pela cidade de Parnaíba, a Operação Odontologia Segura, que será realizada em todo o Piauí. Somente nesta manhã, na primeira fase, a fiscalização do CRO Piauí (Conselho Regional de Odontologia do Piauí), fechou 3 clínicas odontológicas que estavam sem situação irregular.

Uma delas não tinha o devido registro junto ao CRO Piauí nem o alvará para funcionamento. Nas outras duas clínicas as salas de esterilização dos materiais eram inadequadas o que compromete a biossegurança. A fiscalização ocorreu em parceria com a Vigilância Sanitária de Parnaíba e segue nesta sexta-feira (15).

Ao todo o Conselho espera fiscalizar 12 clínicas na cidade e iniciar a segunda fase da operação em cidades de outra região do Estado. Entre as irregularidades encontradas, além da falta do devido registro, estavam materiais reutilizados, o manejo inadequado do lixo contaminado e existência de profissionais de outros estados não registrados no Piauí.

O presidente do Conselho, Sérgio Pires, explica que o Conselho tem um calendário de fiscalizações, mas que as operações também podem ser motivadas por denuncia dos pacientes. “O maior objetivo é dar segurança aos usuários e cumprir com a missão do Conselho que é garantir o exercício legal da profissão de acordo com os princípios éticos e a biossegurança”, informa.

Após o procedimento as clínicas notificadas recebem um prazo para se adequarem ao que determina o Código de Ética e as exigências sanitárias. São várias as exigências para que uma clínica odontológica funcione de forma correta, mas o paciente pode fiscalizar logo ao chegar no local, os alvarás de funcionamento da Vigilância Sanitária, do Corpo de Bombeiros de da Prefeitura devem estar em local visível.

Com informações GP1

,

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

últimas