Governador autoriza contratação de nova empresa para concurso da PM atualizada atualizada em: 23 de maio de 2017 comentarios 0 comente agora rss RSS

O governador Wellington Dias (PT) autorizou a contratação de uma nova empresa para a realização e reaplicação das provas objetivas do concurso público para o posto de soldado da Polícia Militar (PM), realizadas no domingo pelo Núcleo de Concursos e Eventos (Nucepe) da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), que foram canceladas após a prisão de 12 pessoas acusadas de envolvimento em fraudes e vazamento da prova de português.

O secretário estadual de Segurança Pública, Fábio Abreu, afirmou que o governador Wellington Dias atendeu a sugestão dele e do comandante da Polícia Militar, coronel Carlos Alberto.

Ele afirmou que há indícios que o vazamento das provas do concurso para soldado da Polícia Militar ocorreram na origem da elaboração e aplicação, que é o Nucepe.

“Não é que o Nucepe não tenha idoneidade, mas precisamos de uma empresa diferente e com experiência nacional para a reaplicação da prova, que deverá ser feita ainda este semestre”, declarou Fábio Abreu.

divisao

0 comentário Comente agora!

publicidade

redes sociais

publicidade