Justiça Eleitoral cassa mandatos da prefeita e vice de Brasileira atualizada atualizada em: 15 de abril de 2018 comentarios 0 comente agora rss RSS

A prefeita de Brasileira, Paula Miranda Amorim Araújo (PSD), e o vice Amarildo de Sousa Melo (PSD), tiveram os diplomas cassados pela Justiça Eleitoral nesta terça-feira (13) na zona de Piripiri. A justiça ainda determinou a realização de novas eleições no referido município.

Prefeita Ana Paula

A decisão é da juíza da 11ª Zona Eleitoral, Maria do Rosário de Fátima Martins Leite Dias, e foi publicada nesta sexta-feira (13). A sentença atende a um pedido feito da coligação adversária “Brasileira é de Todos” e Carmem Gean Veras de Meneses (PCdoB), candidata a prefeita naquele mesmo município.

Segundo a denúncia, os eleitos cometeram abuso de poder político em decorrência da realização de contratos temporários para admissão de servidores. De acordo com o magistrado, ficou comprovado durante o processo o crime praticado no último pleito. “[..] reconhecendo a ocorrência de abuso do poder político, em decorrência da realização de contratos temporários para admissão de servidores em período vedado pela lei [..] cassar os diplomas da candidata a prefeita eleita Paula Miranda Amorim Araújo e do candidato a vice-prefeito eleito Amarildo de Sousa Melo, este último em razão da indivisibilidade da chapa majoritária, declarando nulos os votos por eles obtidos. Declaro pois a inelegibilidade dos candidatos eleitos, para as eleições a se realizarem nos 8 (oito) anos subsequentes à eleição de 2016”, diz trecho da decisão.

GP1

divisao

0 comentário Comente agora!

publicidade

redes sociais

publicidade