Ministério Público Federal investiga baixa cobertura vacinal para poliomielite no Piauí imprimir publicado em: 04 / 06 / 2019

O Ministério Público Federal no Piauí instaurou inquérito civil para investigar a baixa cobertura vacinal para a poliomielite no estado. A portaria nº 14, de 27 de maio de 2019, foi assinada pelo procurador da República Anderson Rocha Paiva.

O MPF considerou expediente recebido pela Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão-PFDC expondo a preocupação com a baixa cobertura vacinal para a poliomelite, no qual se verificou que, no Estado do Piauí, 31 municípios estavam em estado crítico de imunização, de acordo com a lista apresentada pelo Ministério da Saúde.

Inicialmente foi instaurado procedimento preparatório que, para o procurador, merece análise mais detida e realização de diligências para sua adequada tramitação.

Dados

Dados divulgados pelo Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde (PNI), no ano passado, apontaram que 31 municípios piauienses estavam com cobertura vacinal abaixo de 50% para a poliomielite.

GP1

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

últimas