Polícia Civil localiza e prende pai que espancou filha de três anos com cinto

A Polícia Civil de Franco da Rocha capturou na noite desta quarta-feira (30), pai que espancou filha com cinto. O homem aparece em um vídeo gravado por sua esposa espancando a filha de três anos (Video Aqui). A prisão ocorreu em Francisco Morato. David Vargas, como foi identificado o acusado, estava na casa de uma namorada, informaram policiais de Franco. Ele estava com mandado de prisão temporária decretada pela Justiça e deve passar cerca de 30 dias atrás das grades.

agressao-a-criança1Nesta quarta-feira (30), policiais da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise), Roubo de Carga e Garra, da Seccional de Franco da Rocha, trabalharam em conjunto para localizar e prender Vargas, que teve ainda nesta quarta-feira (30) o mandado de prisão decretado pela Justiça.

Veja abaixo a informação da Xuxa:Veja abaixo a informação da XuxaAcabaram de prender monstro que espancou filha de três anos

“Foi feito um serviço de inteligência para descobrir o paradeiro dele. Apuramos, então, que estava na casa de uma mulher com quem mantém relacionamento e fomos até lá para prendê-lo”, disse o policial Bira, que também se disse revoltado com as agressões cometidas pelo homem contra a filha pequena. Pelas imagens, é possível observar Vargas usando uma cinta para agredir a criança. Depois de vários golpes, ele ainda puxa de um lado para outro a menina, que chora sem parar.Polícia Civil localiza e prende pai que espancou filha com cinto

Grupo Raízes do Nordeste de Parnaíba é exemplo de inovação na Educação

O grupo cultural Raízes do Nordeste, criado na Unidade Escolar Cândido Oliveira, no município de Parnaíba, foi uma das 178 instituições educacionais brasileiras reconhecidas como exemplos de inovação e criatividade na educação básica.
Grupo do Piauí é exemplo de inovação na Educação_01 O grupo tem atuação nos anos finais do ensino fundamental e ensino médio que trabalha de maneira independente com jovens da periferia, estimulando seu protagonismo e oferecendo o acesso e a vivência da arte de uma forma mais elaborada e conceituada. O Raízes do Nordeste atua em estreita parceria com a escola. O processo educativo é vivido internamente, nas pesquisas e criações de seus integrantes, e externamente, na oferta de atividades pedagógicas na comunidade.

De acordo com a coreógrafa do grupo, Fabiana Reis, esse reconhecimento pelo MEC através do Inovação e Criatividade na Educação Básica, estimula os integrantes a continuar e valorizar ainda mais o apoio recebido na escola. “Todas as nossas conquistas são super especiais. Estamos felizes e radiantes com essa seleção, no qual mais uma vez representamos Piauí. Dedicamos essa vitória a todos que nos auxiliaram durante esses doze anos de existência. Aos profissionais da Cândido Oliveira que sempre acompanha nossas conquistas e contribui para o nosso crescimento”, disse.

Inovação

As instituições foram selecionadas entre as 683 que participaram de chamada pública lançada pelo Ministério da Educação para identificar e conhecer iniciativas inovadoras para a melhoria da qualidade da educação brasileira.

Foto: Carlos Lustosa
Foto: Carlos Lustosa

Entre as entidades estão organizações não governamentais e escolas públicas e particulares. As organizações selecionadas traçam o perfil da inovação na educação do país. Elas estão presentes nas cinco regiões brasileiras e sua distribuição corresponde à da população: mais da metade (50,8%) está na Região Sudeste, seguida do Nordeste (21,9%), Sul (13,7%), Centro-Oeste (8,7%) e Norte (7,6%).

As práticas inovadoras participantes atingem todos os níveis de ensino da educação básica: 83 instituições desenvolvem propostas com crianças da educação infantil, 135 trabalham com alunos do ensino fundamental, 73 estão voltadas para adolescentes do ensino médio e 40 atuam na educação de jovens e adultos. No ensino médio, há inovação tanto na modalidade regular quanto no ensino técnico.

O Mapa da Inovação e Criatividade na Educação Básica aponta para uma transformação das escolas e dos ambientes educativos por todo o país, nos diferentes contextos socioeconômicos e com os mais diversos públicos. Nesse mapa estão relacionadas as 178 instituições educacionais inovadoras e criativas.

Ccom-PI

Licença à gestante poderá ser ampliada se o bebê nascer prematuro

A licença à gestante de 120 dias poderá ser ampliada caso o bebê nasça prematuro. A prorrogação do benefício foi sugerida em proposta de emenda à Constituição (PEC 99/2015) pelo senador Aécio Neves (PSDB-MG) e poderá ser aprovada nesta quarta-feira (18) pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).Licença à gestante

A PEC 99/2015 recebeu parecer favorável da relatora, senadora Simone Tebet (PMDB-MS). A licença à gestante se prolongaria, nessa hipótese, pela quantidade de dias que o recém-nascido passar internado no hospital.

“Consideramos justa e adequada a medida. Não existem estatísticas oficiais referentes à duração média da internação neonatal. Os dados disponíveis, contudo, sugerem que poucos casos demandam internação superior a um mês”, observou Simone no parecer.

De acordo com a justificação da PEC 99/2015, o número de prematuros corresponde a 10% do total de nascimentos. Ao dar mais tempo para a mãe se dedicar aos cuidados de seu bebê prematuro, a iniciativa pretende ampliar a proteção ao recém-nascido em condições de maior fragilidade.

Depois de passar pela CCJ, a PEC 99/2015 será submetida a dois turnos de discussão e votação no Plenário do Senado.

Senado Federal

Trabalhos de varrição, capina e limpeza em Parnaíba são intensificados

A Prefeitura de Parnaíba, através da Secretaria de Serviços Urbanos e Defesa Civil (SESUDEC), vem intensificando os trabalhos de varrição e capina em toda a cidade. Nesta segunda-feira (16), as equipes estão atuando no Bairro do Carmo e no Bairro São Benedito.
1Prefeitura de ParnaíbaOs serviços compreendem ainda recolhimento de entulhos, roçadeira e pintura do meio fio. Com a intervenção continuada da limpeza pública de ruas e outros logradouros a Prefeitura de Parnaíba está realizando um serviço preventivo de saúde, evitando a poluição ambiental e mantendo a cidade limpa.4Prefeitura de Parnaíba2Prefeitura de Parnaíba 3Prefeitura de Parnaíba

Ascom da Prefeitura de Parnaíba

180graus: o que tem a esconder o maior portal de notícias do Piauí?

180graus: o que tem a esconder o maior portal de notícias do Piauí?
Ex-funcionários começam a revelar os bastidores do outro lado da imprensa piauiense

Assis Chateaubriand foi um controverso empresário de comunicação cujos métodos de conquistar poder e dinheiro na imprensa brasileira entraram para a história. Seus episódios de chantagem foram denunciados pela revista americana “Times” em 1957. Segundo o relato, “o método era quase sempre o mesmo: ameaçar o candidato a doador com campanhas difamatórias, caso ele se negasse a fazer a contribuição desejada.”

As práticas nada convencionais de “Chatô” parecem se reproduzir no Piauí. É o que revelariam denúncias feitas por ex-funcionários do portal 180graus e por alguns empresários. Seus relatos dizem muito sobre o que está por trás do “sucesso” do maior portal de notícias do Piauí.

Comandado por Helder Eugênio, que assim como “Chatô”, é jornalista e advogado, o 180graus, segundo as denúncias, conseguiria recursos a partir de práticas de chantagens, exploração de mão de obra, intimidação e assédio. Segundo os denunciantes, o problema é tão grave que ex-funcionários chegaram a sofrer surtos psicológicos.

Ex-funcionários revelam práticas de extorsão no 180graus
O modus operandi do 180graus está deixado de se tornar assunto velado. Há alguns anos o empresário Silvio Leite vem denunciando as chantagens que Helder Eugênio estaria praticando não apenas contra o Governo do Estado e prefeituras, mas também contra empresários e políticos. A coragem de Silvio em expor o problema em sua rede social tem feito com que outras prováveis vítimas também se manifestem.

É a tática “contra ou a favor?” A mesma que foi usada por Chatô, e que ficou muito evidente no 180graus em 2014. A ferramenta de coação do “dr” Helder Eugênio – ele exige que seus funcionários assim o chamem – seria o portal 180graus.

O Capital Teresina teve acesso aos relatos de vários ex-funcionários. Foram depoimentos feitos ao Ministério Público do Trabalho. É tudo muito assustador.

Chantagem contra prefeitos?
Em um dos depoimentos, prestado ao MPT por um ex-funcionário do 180graus, é descrito a forma como o Portal conseguiria os contratos com as prefeituras do interior. Segundo a fonte denunciante, essas pequenas prefeituras do interior são, juntas, as maiores receitas do 180graus. “É através dessa receita que ele [Helder Eugênio] mantém o portal. Caiu muito [contratos] depois que eu saí de lá, os prefeitos não querem fazer contrato, segundo eles, ter algo com o 180graus é como assinar o termo de que está sendo chantageado e que se fez algo de errado”, disse o ex-funcionário.

180graus: o que tem a esconder o maior portal de notícias do Piauí?
Trecho original do depoimento prestado ao Ministério Público do Trabalho.

O trecho do depoimento que revela as relações incestuosas com os municípios, prestado pelo ex-funcionário ao Ministério Público é assustador. Veja a transcrição: “…que havia uma meta de vendas aos prefeitos dos municípios do interior para adquirirem notícias no blog 180graus; que, caso o prefeito não adquirisse o blog 180graus, os empregados eram obrigados a fazerem notícias contrárias ao município e ao prefeito de forma a forçar o prefeito a adquirir o blog…”

Beleza e fragilidade emocional seriam os critérios de escolha do 180graus

180graus: o que tem a esconder o maior portal de notícias do Piauí?
Depoimento cita escolha baseada em “falha na estrutura familiar”

“… o sr. Helder, em geral, procura jovens, até 25 anos, solteiros, para trabalhar, e com alguma falha na estrutura familiar…” Foi assim, em depoimento, que o ex-funcionário revelou como é o processo de escolha das pessoas que trabalham no 180graus. Seria nesse universo, de relações pouco republicanas, que esses jovens experimentariam a vida profissional na imprensa.
Contra ou a favor?

Decoração estranha: na parede quadros com dizeres "vendo a paz e existe a guerra".
Decoração estranha: na parede quadros com dizeres “vendo a paz e existe a guerra”.

Uma das posturas mais controversas do 180graus ocorreu no ano eleitoral de 2014. Entre julho e outubro daquele ano, os visitantes que chegavam no “Terraço 180” se deparavam com uma foto de Helder Eugênio fumando charuto. A imagem, que lembrava a de Fidel Castro, ficava entre duas frases emblemáticas. Do lado esquerdo estava escrito “Vendo a Paz”. Do lado direito o visitante lia “existe o inferno”. Uma boa forma de recepcionar.

E foi assim, entre a paz e a guerra que o 180graus se posicionou editorialmente naquele ano. Primeiro voltou sua artilharia contra o então Governador Zé Filho. Charges, matérias. Tudo contra o então governador. Mas, antes que o leitor do 180graus conseguisse digitar o endereço eletrônico do portal, Helder Eugênio virou um dos coordenadores do próprio Zé Filho ao Governo do Piauí naquele ano.

Derrotado, Helder Eugênio agora busca seu espaço no governo Wellington Dias

No quesito estratagema, o “dr’ Helder coloca a maioria dos empresários de comunicação do Piauí no bolso. A estratégia do dono do 180graus é clara: dividir o governo para ocupá-lo. Misturando elogios e críticas, Helder atira nos setores do Estado que não tem influência e elogia aqueles com quais mantém relação.

Nos últimos meses, Helder tem medido forças com o governador Wellington Dias. Ele está contra alguns. E a favor de outros.

Por: Fábio de Melo Sérvio – Especial para Capital Teresina

Piauí tem menor índice de assassinatos contra mulheres no Brasil

Ddos do estudo Mapa da Violência- Homicídio de Mulheres 2015- apontam que o Piauí registrou os menores índices de assassinatos de mulheres entre os anos de 2003 e 2013. O levantamento foi divulgado na manhã de hoje (9) e compara, dentre outros pontos, a vitimização da mulher de cor branca e negra, além do número da população agredida por pessoas conhecidas e desconhecidas pela vítima.Piauí tem menor índice de assassinatos contra mulheres no Brasil

A pesquisa constatou que o número de feminicídio ocorre num ritmo crescente ao longo do tempo, tanto em número quanto em taxas. Entre 2003 e 2013, o índice de vítimas do sexo feminino no Brasil passou de 3.937 para 4.762, o que reflete aumento de 21% nos casos.

Segundo o Mapa da Violência, em dez anos foram mortas no Piauí 399 mulheres. Comparando com as taxas nacionais, o Estado está em 26º lugar no triste ranking de assassinatos, com 2,9 assassinatos a cada 100 mil mulheres. Na primeira colocação entre os estados onde mais pessoas do sexo feminino são mortas está Roraima, que alcançou o índice 15,3 assassinatos para cada 100 mil mulheres.1 mulheres no Brasil
Para se ter uma ideia do número absurdamente elevado de assassinatos de mulheres em Rondônia, juntos os índices de Santa Catarina, Piauí e São Paulo giram em torno de 3 mortes por 100 mil habitantes, isto é, a quinta parte de Roraima. Na redução, o Piauí divide posição somente de São Paulo, na comparação entre as capitais São Paulo (2.8%) e Teresina (5.4%).

Mesmo com o baixo índice do Piauí, os dados são preocupantes porque o estudo constata que após a sanção da Lei Maria da Penha, que destaca o rigor das punições para esse tipo de crime, os casos são registrados com frequência e aumentou entre os anos pesquisados. Somente Rondônia, Espírito Santo, Pernambuco, São Paulo e Rio de Janeiro houve registro de queda nas taxas após a vigência da norma.

MULHERES NEGRAS

A taxa de mortalidade da mulher negra no Piauí é 5 vezes maior que o da mulher branca. Os dados do Mapa da Violência revelam que 77 mulheres de cor branca foram assassinadas entre 2003 e 2013 no Estado. Já o número de negras mortas é de 304.

Em dados percentuais a vitimização negra corresponde a 87% do total de homicídios contra mulheres no Estado. Diante dos números, a pesquisa constata que a população negra é vítima prioritária da violência homicida no País e “cresceu de forma drástica” na década.

AGRESSOR

Em nível nacional, o volume de agressões por parte de pessoas desconhecidas é maior, mas não tão elevado, que as agressões por conhecidos: 4,6 milhões e 3,7 milhões de agressões, respectivamente. No Piauí, o índice é diferente: a maioria das mulheres é agredida por agressores conhecidos das vítimas. De 2003 a 2010, 38.668 mulheres foram agredidas por pessoas próximas ao convívio delas. Enquanto que 27.158, sofreram agressão de desconhecidos.

BALANÇO 2015

Neste final de semana um assassinato chocou a população piauiense. Uma mulher identificada como Ana Paula Nobre, 30 anos, foi assassinada com 29 facadas pelo ex-marido, no município de Colônia do Piauí, localizado no Sul do Estado.

A morte de Ana Paula é mais um amargo dado da estatística de violência de gênero. A coordenadora do Núcleo de Feminicídio do Piauí, delegada Ana Melka, revela que de julho a março de 2015, 25 mulheres foram assassinadas no Estado.

O Núcleo foi instituído este ano e tem como objetivo garantir que o inquérito sobre assassinatos das mulheres seja finalizado e crime punido. “Temos visitado cidades do interior para cobrar aos delegados que informações desse tipo de caso sejam repassadas de forma imediata ao Núcleo para que a autoria e materialidade do crime seja identificada o mais rápido possível”, disse a delegada Ana Melka.

A coordenadora do Núcleo adianta que no próximo ano o Piauí vai adotar diretrizes da Organização das Nações Unidas para investigar crimes dessa natureza. “ Ainda está tudo em fase de elaboração, mas queremos com isso garantir a melhoria do acompanhamento de casos feminicídios, coibindo esses assassinatos”, adianta a delegada.

No Piauí, jovens criam propostas de negócios através de aplicativos

propostasSair com os amigos é um dos programas preferidos de jovens em todo o mundo. Dividir uma refeição, lanches ou bebidas é também uma atividade muito comum. Mas e na hora de pagar a conta, principalmente quando envolvem muitas pessoas, como escolher a melhor forma de ‘inteirar’ o pagamento? Foi pensando em facilitar esse processo, que jovens parnaibanos desenvolvem um aplicativo que visa fomentar a divisão de gastos e aumentar a interação social entre as pessoas. Keyni Maciel, Inês Melo e Sávio Araújo, são os responsáveis por criar a ideia do aplicativo ‘Inttera’, ainda em fase de desenvolvimento. “A ideia surgiu no ambiente universitário, muitas vezes temos pouco dinheiro e queremos encontrar pessoas para beber, comer e se divertir. Então, o aplicativo vai facilitar essa interação, por isso o nome Inttera”, explica Keyni, que é estudante de Turismo.

Da área de tecnologia da informação, o jovem Sávio destaca o que o app visa fomentar uma maior interação entre as pessoas. “O aplicativo vai propor uma interação através de grupos e juntar pessoas que queiram dividir um determinado produto, seja comida ou bebida. As pessoas irão inteirar e marcar um dia em que cada um vai dizer o quanto pode contribuir e na ferramenta você também pode ver promoções, marcar o estabelecimento escolhido.

A intenção é facilitar o encontro das pessoas” destaca Sávio. Como a ideia ainda é embrionária, o grupo já realizou pesquisa para saber a aceitação do público. Segundo o estudo, 70% dos universitários e pessoas solteiras afirmaram que adorariam ter acesso ao aplicativo “Nós somos consumidores, mas sempre pensamos como algo pode contribuir na vida de todo mundo. Agora, estamos desenvolvendo o aplicativo e buscando investidores que possam financiar a ideia”, lembra Inês.

O projeto do Inttera foi um dos que participou da segunda edição da Corrida de Startups que aconteceu como parte da programação da Feira do Empreendedorismo, realizada em Parnaíba, cidade distante 318 quilômetros ao norte de Teresina.

Jornal O Dia

Renato: “vencer a Argentina fora carimba o passaporte de favorito”

O corintiano Renato Augusto, que neste domingo se apresentou à seleção brasileira, em São Paulo, acredita que a vitória sobre a Argentina, nesta quinta-feira, pelas Eliminatórias, em Buenos Aires, eleva a condição do Brasil na competição.

renato“Vencer a Argentina fora carimba o passaporte de favorito, então é um jogo que pode valer a pena para a gente”, disse.

Renato aproveitou e deu a receita para o Brasil conseguir a classificação para o Mundial de 2018, na Rússia.

“Todo jogo contra a Argentina é muito difícil, independentemente de ser em casa ou fora. Claro que o pensamento é na vitória, mas eu acredito que nas Eliminatórias, se você vencer todos os jogos em casa e pontuar o máximo fora, vai está classificado”, completou.

Neymar

O jogador disse também que o retorno de Neymar à Seleção fortalece a equipe de Dunga.

“Ele é o craque, é o cara que faz a diferença, soma muito com o elenco que já temos e com certeza acho que vamos chegar mais fortes”, comentou.

Sobre o golaço do brasileiro sobre o Villarreal, Renato disse que por ter sido ele, é normal.

“Ele atingiu um patamar que, quando faz um gol dom jeito que foi, você acha que é normal porque foi ele, se fosse qualquer outro jogador do mundo você falaria: “Nossa!”, mas foi ele, então até achamos normal”, concluiu.

O goleiro Cássio, companheiro de Renato Augusto no Corinthians, concorda com o meia quando o assunto é Neymar.

“A volta do Neymar é importante, pois é um jogador diferenciado dos demais e está um patamar acima, então é importante poder contar com ele. Para mim vai ser muito legal trabalhar com ele”, disse.

Cássio aproveitou para dizer que não se importa em estar no banco nas próximas partidas da Seleção pelas Eliminatórias.

“Se eu jogar ou não, com certeza estarei no Rio de Janeiro à disposição. No final há um desgaste, mas acredito que não seja problema algum disputar esse jogo”, concluiu.

Band

Criança de 7 anos morre ao ser atropelada por carro no litoral do PI

carroUma criança de 07 anos de idade foi vítima de um acidente na praia do Macapá, litoral do Piauí. Ralyson Dias de Sousa foi atropelado por um veículo modelo Space Fox na tarde deste sábado (07/11).

O condutor do veículo, identificado como Aristel Pereira de Sousa fugiu sem prestar socorro.  O acidente teria acontecido por volta das 16h.

Segundo informações, a vítima andava de bicicleta com um primo quando foi colidida pelo condutor do Space Fox. O primo de Ralyson teria pulado da bicicleta quando percebeu o carro se aproximando. Por conta disso, ele teve apenas ferimentos leves.

Aristel Pereira fugiu do local sem prestar socorro e teve seu carro apedrejado por populares e familiares da vítima.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local, mas criança já estava sem vida.

Wellington Dias anuncia obras durante abertura do Festival da Uva

O governador Wellington Dias fez a abertura oficial da quinta edição do Festival da Uva de São João do Piauí, nesta sexta-feira (6), no assentamento Marrecas. A festividade, que comemora a produção da fruta no semiárido piauiense, segue até o domingo (8) com evento gastronômico, rodadas de negócios, oficinas e seminários, feiras de artesanato, apresentações culturais e exposições.

diasO jovem Geraldo Araújo, de 28 anos, é um dos pequenos produtores da região. Formado em técnicas agrícolas, ele e sua família estão desde 2010 apostando no cultivo da uva como oportunidade de trabalho e renda. “É uma produção arriscada, um cultivo que precisa de muito cuidado e obedecer corretamente todas as etapas para alcançar a qualidade do produto, principalmente no que diz a respeito à irrigação. Mas, para nós, tem sido uma fonte de renda e também de dedicação em ajudar a brotar no semiárido piauiense, algo que há alguns anos seria inimaginável”, relata.

A colheita da uva ocorre 120 dias após a poda da videira e a produção chega a 180 toneladas por safra, que acontece duas vezes ao ano. De acordo com a presidente da Associação de Pequenos Produtores Irrigados do Assentamento Marrecas, Maria José Araújo, paralela à produção de uva, que ganhou notoriedade e é tema do Festival, também são produzidos goiaba, melancia, milho verde, melão, mamão, banana, entre outras frutas.

Para Wellington Dias, a organização dos produtores e o incentivo do Estado, parceiros e financiadores têm elevado a renda dos associados e permitido que os nativos possam atuar na sua região. “Este festival ajuda a fomentar o potencial para a fruticultura, a captar investimentos, promover o turismo e a cultura. Quem vem se encanta. Muito me alegro em ver que que em dez anos muito se prosperou e acredito na agricultura irrigada como uma forma de convivência com a seca”, comenta. O Projeto do Assentamento Marrecas possui 300 famílias, das quais 80 trabalham com a uvas irrigadas, Itália e Benitaca.

Progresso
A secretária estadual de Educação, Rejane Dias, que é considerada a madrinha do festival, disse que acredita no potencial da região e quer qualificar a população para vocação natural dos arranjos produtivos. “Aqui em São João temos o Pronatec e o governador Welligton Dias autorizou a licitação para a construção de um prédio para a Universidade Aberta que contará com um Centro de Convenções para toda a região”, adiantou.

Para o prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos, a realização do festival tem atraído pequenos investidores, o que considera um termômetro da viabilidade. “É um momento de incentivo. É uma maneira inteligente de divulgar a fruticultura. Aqui se faz um trabalho em equilíbrio com o meio ambiente. São João do Piauí tem potencial para se tornar referencia na área da fruticultura irrigada que já é uma realidade, queremos continuar trabalhando para em breve construirmos uma central de abastecimento e escoamento da produção”, disse.

Na solenidade de abertura, o governador Wellington Dias autorizou a construção de um campo de futebol no Assentamento Marrecas, através da Fundação de Esportes do Piauí (Fundespi), e a Seduc a construir uma quadra poliesportiva coberta na escola do assentamento.

A programação do festival conta com artistas de renome, como Margareth Menezes, Elba Ramalho, Waldonys e Fernando Mendes, além de bandas locais e regionais, que se apresentarão no palco montado na Praça Honório Santos.

PROGRAMAÇÃO

Sexta-feira (6)
19h00 – Abertura com autoridades
20h00 – Coral dos Vaqueiros
21h00 – Amauri Jucá
22h00 – Honorinho
23h00 – Banda Novo desejo
01h10 – Waldonys
03h00 – Forró dos plays

Sábado (7)
20h00 – Edimar do Acordeon
21h00 – Labigó e Maria dos prazer
22h00 – Frank Sabba
23h00 – Fernando Mendes
01h00 – Margareth Menezes
03h00 – Maurinho do acordeon

Domingo (8)
21h00 – Ronaldo Alves (Assentamento Marrecas)
22h30 – 8 resgate
12h00 – Elba Ramalho
02h00 – Xé pop

Balneário Jenipapo (A partir do meio dia)
Sábado – Mariano França
Domingo – Zé Antônio

PortalAZ