Mais de 300 advogados lotam reunião em apoio a Sigifroi candidato à presidência da OAB-PI

Mais de 300 advogados prestigiaram uma grande reunião de apoio ao candidato à presidência da OAB-PI, Sigifroi Moreno. O evento aconteceu no Buffet Casablanca, na noite dessa terça-feira (10), em Teresina.1

O encontro de colegas advogados foi organizado pelos escritórios Fábio Veloso, Joaquim Almeida e Nelson Nery Costa, nomes respeitados da advocacia piauiense e que veem na chapa de Sigifroi a melhor opção para a Ordem seguir avançando no estado. Outra presença marcante foi a de dezenas de professores de Direito.DSC_0454

O advogado e professor Fábio Veloso diz que o que o motivou a apoiar a candidatura de Sigifroi Moreno foi o reconhecimento de um trabalho. “Nós podemos ajudar a OAB pelo espírito que nós temos de advogados, apaixonados pela nossa profissão e que temos interesse no avanço da nossa sociedade”, afirma Fábio Veloso.DSC_0406

Já Joaquim Almeida revela que advoga há 34 anos e lembra que ele e o sócio Nelson Nery Costa já estiveram em lados opostos, mas, hoje, o que os une é o amor à advocacia. “Nós queremos uma Ordem sólida, independente, e que defenda as prerrogativas dos advogados, que seja altiva, corajosa e que não dobre e não se curve, em nenhum momento, a nenhum poder”, pontua.DSC_0287

Nelson Nery Costa, em seu discurso, explicou que seu apoio vislumbra “uma advocacia combativa que quer uma justiça melhor, mais rápida e mais abrangente”.

O candidato Sigifroi Moreno destaca o crescimento da campanha e defende que a força da OAB está na advocacia. “Todos que trabalham pela nossa instituição, pela altivez e pela independência dela, são chamados para contribuir e somar no dia 21, mais força por nossa instituição”, frisa.DSC_0284

Também estavam na reunião, a vice-presidente da chapa, Chrystianne Moura Fonseca, a presidenta da Caixa de Assistência dos Advogados, Ednan Coutinho, a advogada e candidata à Conselheira Federal, Gisela Freitas, entre outros candidatos da chapa “Sigifroi Presidente – Novas ideias, mais trabalho”.DSC_0256 DSC_0276 DSC_0272 DSC_0254

4 5 6 DSC_0252 2

Ascom Sigifroi Moreno

Homem armado com faca tenta matar o repórter Thonny Black da TV Antena 10

Homem armado com faca tenta matar o repórter Thonny Black da TV Antena 10O repórter Thonny Black foi vítima de uma tentativa de homicídio no início da manhã desta terça-feira (10/11). O acusado, que mora a 100 metros da residência do repórter da TV Antena 10, bateu na residência de Black armado com uma faca e por pouco não conseguiu concretizar as agressões.

Black foi salvo graças à ação de vizinhos, que acionaram a polícia.

O acusado, que estava armado com uma faca, foi encaminhado para a Central de Flagrantes. Dentro do carro ele disse que Black “é um nada” e proferiu xingamentos contra policiais e contra o repórter, que teme pela sua vida caso o homem seja solto, já que eles são praticamente vizinhos.

180 Graus

Estuprador foragido tem cabeça, mãos e pênis decepados em interior do Maranhão

O jovem Joseon Alves Barros vivia sob pânico em uma cadeia da cidade de Grajaú. Mais conhecido por Siri, ele conseguiu fugir da cela com receio de que a delegacia fosse invadida e ele linchado até a morte. Barros já cometeu vários crimes, mas o de estupro a população não perdoou.Estuprador foragido tem cabeça, mãos e pênis decepados em interior do Maranhão
Neste final de semana que passou, seu corpo foi encontrado em um riacho do rio Grajaú, sem cabeça, as mãos e o pênis, que foram decepados.
Na cidade acredita-se que foi crime de vingança e que seus matadores possam estar ligados aos estupro por ele cometido. A polícia já iniciou a investigação para apurar os responsáveis.

Blog do Luis Cardoso

Sedesc certifica mulheres do Curso de Culinária do Projeto Comunidade Produtiva

A Prefeitura de Parnaíba, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedesc), realizou na noite da última sexta-feira (06) a entrega de certificados para 24 mulheres das comunidades Pedra do Sal e Vazantinha que participaram do Curso de Culinária Básica – a base de peixe e frutos do mar, contempladas pelo programa Comunidade Produtiva.
1 Sedesc certifica mulheres do Curso de Culinária do Projeto Comunidade ProdutivaA secretária de Desenvolvimento Social e Cidadania, Flaviana Veras entregou os certificados juntamente com o prefeito Florentino Neto. O objetivo do curso foi aplicar técnicas de cortes e cocção em alimento à base de peixes e frutos do mar, implantando boas práticas na manipulação de alimentos e inovando pratos para cardápios valorizando a matéria prima e a culinária regional além de ser sustentável, aproveitando partes do peixe antes descartadas, como a barriga. As mulheres agora contam agora com mais uma oportunidade para complementação de renda.
2 Sedesc certifica mulheres do Curso de Culinária do Projeto Comunidade ProdutivaDurante o curso, ministrado em uma semana, foram apresentadas noções básicas de higiene, higiene dos alimentos; também o trato com alimentos como tipos, cortes e métodos de cocção, recebimento, armazenamento, embalagem, técnicas de preparação, guarnições, montagens e apresentações dos pratos.
3 Sedesc certifica mulheres do Curso de Culinária do Projeto Comunidade ProdutivaA profissional gourmet e instrutora do curso, Inês Melo, foi quem idealizou o curso para promover uma culinária sustentável e regionalista para assegurar atração de turistas e geração de renda. “Quando desenvolvi a gastronomia sustentável visei aproveitar partes do peixe antes desperdiçadas e que rendem pratos magníficos, e o curso foi desenvolvido partindo desse pressuposto da utilização da matéria prima que antes não era aproveitada”, enfatizou.

O prefeito Florentino Neto afirmou que ainda este ano serão feitas inscrições na comunidade para cursos do PRONATEC em conjunto com a associação de moradores que dialoga sobre essas necessidades ajudando a captar o maior número de pessoas para fazer estes cursos.
4 Sedesc certifica mulheres do Curso de Culinária do Projeto Comunidade ProdutivaO Programa está presente em mais de 43 comunidades de Parnaíba ofertando cursos de qualificação, que corresponde a uma ação completar do programa Bolsa Família e visa entre outros objetivos garantir a convivência familiar e comunitária e promover aquisições sociais potencializando o protagonismo e a autonomia das famílias.

Ascom-PMP

Mais uma prefeita do Maranhão é afastada do cargo por irregularidades

Mais uma prefeita do Maranhão é afastada do cargo por irregularidades
Leula Pereira Brandão (PRTB)

Mais uma prefeita do Maranhão foi afastada do cargo. Leula Pereira Brandão (PRTB), a gestora da cidade de Governador Newton Bello, localizada a 297 km de São Luís, deixa o comando da prefeitura durante um período de 180 dias conforme decisão da Câmara e Municipal de Vereadores nesta sexta-feira (6).

Dos oito vereadores presentes na sessão que pediu o afastamento da prefeita, seis votos foram favoráveis e apenas dois foram contra.

Leula é suspeita de improbidade administrativa e irregularidades na prestação de contas referente ao exercício de 2014.

O vice-prefeito, Barrosinho da Rosilândia (PRTB), tão logo encerrada a sessão na Câmara, assumiu imediatamente a prefeitura com o afastamento da prefeita.

A assessoria jurídica da prefeita Leula Brandão já entrou com medida judicial contra a decisão.

Por: Márcio Maranhão

180graus: o que tem a esconder o maior portal de notícias do Piauí?

180graus: o que tem a esconder o maior portal de notícias do Piauí?
Ex-funcionários começam a revelar os bastidores do outro lado da imprensa piauiense

Assis Chateaubriand foi um controverso empresário de comunicação cujos métodos de conquistar poder e dinheiro na imprensa brasileira entraram para a história. Seus episódios de chantagem foram denunciados pela revista americana “Times” em 1957. Segundo o relato, “o método era quase sempre o mesmo: ameaçar o candidato a doador com campanhas difamatórias, caso ele se negasse a fazer a contribuição desejada.”

As práticas nada convencionais de “Chatô” parecem se reproduzir no Piauí. É o que revelariam denúncias feitas por ex-funcionários do portal 180graus e por alguns empresários. Seus relatos dizem muito sobre o que está por trás do “sucesso” do maior portal de notícias do Piauí.

Comandado por Helder Eugênio, que assim como “Chatô”, é jornalista e advogado, o 180graus, segundo as denúncias, conseguiria recursos a partir de práticas de chantagens, exploração de mão de obra, intimidação e assédio. Segundo os denunciantes, o problema é tão grave que ex-funcionários chegaram a sofrer surtos psicológicos.

Ex-funcionários revelam práticas de extorsão no 180graus
O modus operandi do 180graus está deixado de se tornar assunto velado. Há alguns anos o empresário Silvio Leite vem denunciando as chantagens que Helder Eugênio estaria praticando não apenas contra o Governo do Estado e prefeituras, mas também contra empresários e políticos. A coragem de Silvio em expor o problema em sua rede social tem feito com que outras prováveis vítimas também se manifestem.

É a tática “contra ou a favor?” A mesma que foi usada por Chatô, e que ficou muito evidente no 180graus em 2014. A ferramenta de coação do “dr” Helder Eugênio – ele exige que seus funcionários assim o chamem – seria o portal 180graus.

O Capital Teresina teve acesso aos relatos de vários ex-funcionários. Foram depoimentos feitos ao Ministério Público do Trabalho. É tudo muito assustador.

Chantagem contra prefeitos?
Em um dos depoimentos, prestado ao MPT por um ex-funcionário do 180graus, é descrito a forma como o Portal conseguiria os contratos com as prefeituras do interior. Segundo a fonte denunciante, essas pequenas prefeituras do interior são, juntas, as maiores receitas do 180graus. “É através dessa receita que ele [Helder Eugênio] mantém o portal. Caiu muito [contratos] depois que eu saí de lá, os prefeitos não querem fazer contrato, segundo eles, ter algo com o 180graus é como assinar o termo de que está sendo chantageado e que se fez algo de errado”, disse o ex-funcionário.

180graus: o que tem a esconder o maior portal de notícias do Piauí?
Trecho original do depoimento prestado ao Ministério Público do Trabalho.

O trecho do depoimento que revela as relações incestuosas com os municípios, prestado pelo ex-funcionário ao Ministério Público é assustador. Veja a transcrição: “…que havia uma meta de vendas aos prefeitos dos municípios do interior para adquirirem notícias no blog 180graus; que, caso o prefeito não adquirisse o blog 180graus, os empregados eram obrigados a fazerem notícias contrárias ao município e ao prefeito de forma a forçar o prefeito a adquirir o blog…”

Beleza e fragilidade emocional seriam os critérios de escolha do 180graus

180graus: o que tem a esconder o maior portal de notícias do Piauí?
Depoimento cita escolha baseada em “falha na estrutura familiar”

“… o sr. Helder, em geral, procura jovens, até 25 anos, solteiros, para trabalhar, e com alguma falha na estrutura familiar…” Foi assim, em depoimento, que o ex-funcionário revelou como é o processo de escolha das pessoas que trabalham no 180graus. Seria nesse universo, de relações pouco republicanas, que esses jovens experimentariam a vida profissional na imprensa.
Contra ou a favor?

Decoração estranha: na parede quadros com dizeres "vendo a paz e existe a guerra".
Decoração estranha: na parede quadros com dizeres “vendo a paz e existe a guerra”.

Uma das posturas mais controversas do 180graus ocorreu no ano eleitoral de 2014. Entre julho e outubro daquele ano, os visitantes que chegavam no “Terraço 180” se deparavam com uma foto de Helder Eugênio fumando charuto. A imagem, que lembrava a de Fidel Castro, ficava entre duas frases emblemáticas. Do lado esquerdo estava escrito “Vendo a Paz”. Do lado direito o visitante lia “existe o inferno”. Uma boa forma de recepcionar.

E foi assim, entre a paz e a guerra que o 180graus se posicionou editorialmente naquele ano. Primeiro voltou sua artilharia contra o então Governador Zé Filho. Charges, matérias. Tudo contra o então governador. Mas, antes que o leitor do 180graus conseguisse digitar o endereço eletrônico do portal, Helder Eugênio virou um dos coordenadores do próprio Zé Filho ao Governo do Piauí naquele ano.

Derrotado, Helder Eugênio agora busca seu espaço no governo Wellington Dias

No quesito estratagema, o “dr’ Helder coloca a maioria dos empresários de comunicação do Piauí no bolso. A estratégia do dono do 180graus é clara: dividir o governo para ocupá-lo. Misturando elogios e críticas, Helder atira nos setores do Estado que não tem influência e elogia aqueles com quais mantém relação.

Nos últimos meses, Helder tem medido forças com o governador Wellington Dias. Ele está contra alguns. E a favor de outros.

Por: Fábio de Melo Sérvio – Especial para Capital Teresina

Ganhadores do 1º sorteio da nota ainda não pediram resgate do prêmio

A Secretaria Estadual da Fazenda (SEFAZ) alerta aos ganhadores do primeiro sorteio da Nota Piauiense, realizado no dia 30 de Setembro, que 88 pessoas ainda não pediram o resgate do prêmio no site da Nota Piauiense.Ganhadores do 1º sorteio da nota ainda não pediram resgate do prêmio

Segundo o regulamento do Programa de Estímulo à Cidadania Fiscal do Estado do Piauí, o ganhador tem 90 dias, contados da data da divulgação da portaria com o resultado do sorteio, para requerer o resgate da premiação no site da Nota Piauiense. No caso desse primeiro sorteio, este prazo começa a contar a partir do dia 01 de Outubro.

Essas pessoas devem informar, urgente, no site da Nota Piauiense, a conta (corrente ou poupança) que desejam receber o dinheiro para que o Estado efetue o pagamento sem a necessidade destes consumidores se deslocarem à sede da SEFAZ.

Para isso, ao entrar com o CPF e a senha cadastrados para acessar o site da Nota Piauiense, www.sefaz.pi.gov.br/notapiauiense, ou optando pelo banner da nota piauiense no site da Sefaz, www.sefaz.pi.gov.br (Localizado do lado direito do site, logo abaixo do banner verde do SIATweb), o ganhador deve acessar a opção UTILIZAÇÃO DE CRÉDITOS, posteriormente clicar em CRÉDITO DE SORTEIO, e, por fim, informar a sua conta corrente ou poupança, sendo esta apenas do titular do CPF, juntamente com o valor da premiação que deseja resgatar.

A partir desse procedimento, o Estado tem até trinta dias para efetuar o depósito do prêmio em dinheiro na conta informada pelo titular do CPF premiado. Vale ressaltar que o nome deste deve constar na portaria que dispõe sobre o resultado do sorteio, divulgada pela SEFAZ

Ascom da Sefaz

Pastor evangélico vive triângulo amoroso com esposa e ovelha da sua igreja e fotos íntimas vazam na internet

Vazam as fotos íntimas de um Pastor Evangélico que segundo informações, dentro da igreja tinha um triangulo amoroso movido a muita luxuria e sodomia.1 Pastor evangélico vive triângulo amoroso com esposa e ovelha da sua igreja e fotos íntimas vazam na internet
O Suposto Pastor em questão segundo mostram e narram os denunciantes por fotos Publicadas em Face book’s FAKE seria ALDEMAR DE ALMEIDA esse seria Pastor Presidente da “Igreja Pentecostal Pastor das Nações” juntamente com sua esposa também suposta Pastora CRISTIANE ( loira), e também destacam a suposta amante do Pastor e sócia conjugal da Pastora a Missionaria Rosilene ( Morena).
As duas mulheres que vivem como ele sabem da existencia uma da outra e se chamam de ‘sócias’, por dividir o mesmo marido. Inclusive elas são amigas e postam fotos em suas páginas do facebook.2 Pastor evangélico vive triângulo amoroso com esposa e ovelha da sua igreja e fotos íntimas vazam na internet

As fotos íntimas vazaram nas redes sociais e geraram uma série de comentários e revoltas. Entre essas fotos, está o pastor beijando outro homem.
O Fuxico Gospel

Aumento no orçamento deve ser de 20% para não ameaçar eleições

wellington diasApós se reunir com o governador Wellington Dias, o procurador geral de Justiça do Piauí, Cleandro Moura, afirmou que as eleições gerais de 2016 estão ameaçadas, caso o orçamento para o Ministério Público não garanta aumento de 20%. A proposta do governo do Estado apesentada na Assembleia Legislativa é de apenas 3,75%.

“Este aumento linear é de 3,75%, que está sendo oferecido para todos os poderes. No Ministério Público, não dá para manter a estrutura atual e nem para aumentar, com a contratação de novos promotores de justiça. Temos um déficit de mais de 55 promotores de justiça na nossa estrutura e não temos, na atual situação, como viabilizar as eleições do próximo ano”, declarou Cleandro Moura, adiantando que o Ministério Público deveria ter, pelo menos, um aumento de 20% em relação ao orçamento da instituição em 2015, que ficou em R$ 160 milhões.

A proposta inicial do Ministério Público é que o orçamento para 2016 aumentasse 46%. O Ministério Público estadual possui 168 promotores e procuradores e necessita contratar 10 promotores de imediato.

O governador Wellington Dias afirmou que fica feliz porque tem a satisfação de voltar ao Ministério Público na administração de Cleandro Moura e sempre procurou manter um bom relacionamento com o Poder Judiciário, Ministério Público, Poder Legislativo e Tribunal de Contas do Estado.

“O Ministério Público do Estado tem um papel importante para o desenvolvimento do Piauí, porque ele atua na fiscalização contra sonegação fiscal, no combate a corrupção e a redução de homicídios”, declarou o governador.

Meio Norte

Passageiros sofrem diariamente para pegar ônibus em José de Freitas; vídeo

Usuários de transporte coletivo na cidade de José de Freitas enviaram vídeo para a produção do Programa Agora como denúncia pelo abuso que vivem diariamente. Pela demanda mínima de ônibus da empresa São Joaquim, que exerce monopólio na linha José de Freitas- Teresina, os usuários precisam se submeter ao sufoco para entrar no transporte, em praticamente todos os horários. A situação é pior nos horários de pico, onde passageiros são deixados em pontos de ônibus por conta da lotação.

Passageiros sofrem diariamente para pegar ônibus em José de Freitas; vídeoÉ válido destacar que são milhares de pessoas que dependem do transporte público de José de Freitas, em sua maioria estudantes e trabalhadores que enfrentam uma verdadeira maratona para realizar suas atividades na capital do Estado. Já foram feitas diversas denúncias sobre o caso e até manifestações com bloqueios nos principais acessos à cidade, mas nenhuma providência foi tomada.

Ainda nesta segunda-feira, o prefeito de Teresina, Firmino Filho, foi para a prefeitura de ônibus coletivo e gravou um vídeo fazendo avaliação do percurso. Internautas participaram do Programa Agora e desafiam o Prefeito de José de Freitas, Josiel Batista, a usar transporte coletivo para ir a Teresina no horário em que o vídeo foi gravado, às 5h da manhã.

Meio Norte

Piauí tem menor índice de assassinatos contra mulheres no Brasil

Ddos do estudo Mapa da Violência- Homicídio de Mulheres 2015- apontam que o Piauí registrou os menores índices de assassinatos de mulheres entre os anos de 2003 e 2013. O levantamento foi divulgado na manhã de hoje (9) e compara, dentre outros pontos, a vitimização da mulher de cor branca e negra, além do número da população agredida por pessoas conhecidas e desconhecidas pela vítima.Piauí tem menor índice de assassinatos contra mulheres no Brasil

A pesquisa constatou que o número de feminicídio ocorre num ritmo crescente ao longo do tempo, tanto em número quanto em taxas. Entre 2003 e 2013, o índice de vítimas do sexo feminino no Brasil passou de 3.937 para 4.762, o que reflete aumento de 21% nos casos.

Segundo o Mapa da Violência, em dez anos foram mortas no Piauí 399 mulheres. Comparando com as taxas nacionais, o Estado está em 26º lugar no triste ranking de assassinatos, com 2,9 assassinatos a cada 100 mil mulheres. Na primeira colocação entre os estados onde mais pessoas do sexo feminino são mortas está Roraima, que alcançou o índice 15,3 assassinatos para cada 100 mil mulheres.1 mulheres no Brasil
Para se ter uma ideia do número absurdamente elevado de assassinatos de mulheres em Rondônia, juntos os índices de Santa Catarina, Piauí e São Paulo giram em torno de 3 mortes por 100 mil habitantes, isto é, a quinta parte de Roraima. Na redução, o Piauí divide posição somente de São Paulo, na comparação entre as capitais São Paulo (2.8%) e Teresina (5.4%).

Mesmo com o baixo índice do Piauí, os dados são preocupantes porque o estudo constata que após a sanção da Lei Maria da Penha, que destaca o rigor das punições para esse tipo de crime, os casos são registrados com frequência e aumentou entre os anos pesquisados. Somente Rondônia, Espírito Santo, Pernambuco, São Paulo e Rio de Janeiro houve registro de queda nas taxas após a vigência da norma.

MULHERES NEGRAS

A taxa de mortalidade da mulher negra no Piauí é 5 vezes maior que o da mulher branca. Os dados do Mapa da Violência revelam que 77 mulheres de cor branca foram assassinadas entre 2003 e 2013 no Estado. Já o número de negras mortas é de 304.

Em dados percentuais a vitimização negra corresponde a 87% do total de homicídios contra mulheres no Estado. Diante dos números, a pesquisa constata que a população negra é vítima prioritária da violência homicida no País e “cresceu de forma drástica” na década.

AGRESSOR

Em nível nacional, o volume de agressões por parte de pessoas desconhecidas é maior, mas não tão elevado, que as agressões por conhecidos: 4,6 milhões e 3,7 milhões de agressões, respectivamente. No Piauí, o índice é diferente: a maioria das mulheres é agredida por agressores conhecidos das vítimas. De 2003 a 2010, 38.668 mulheres foram agredidas por pessoas próximas ao convívio delas. Enquanto que 27.158, sofreram agressão de desconhecidos.

BALANÇO 2015

Neste final de semana um assassinato chocou a população piauiense. Uma mulher identificada como Ana Paula Nobre, 30 anos, foi assassinada com 29 facadas pelo ex-marido, no município de Colônia do Piauí, localizado no Sul do Estado.

A morte de Ana Paula é mais um amargo dado da estatística de violência de gênero. A coordenadora do Núcleo de Feminicídio do Piauí, delegada Ana Melka, revela que de julho a março de 2015, 25 mulheres foram assassinadas no Estado.

O Núcleo foi instituído este ano e tem como objetivo garantir que o inquérito sobre assassinatos das mulheres seja finalizado e crime punido. “Temos visitado cidades do interior para cobrar aos delegados que informações desse tipo de caso sejam repassadas de forma imediata ao Núcleo para que a autoria e materialidade do crime seja identificada o mais rápido possível”, disse a delegada Ana Melka.

A coordenadora do Núcleo adianta que no próximo ano o Piauí vai adotar diretrizes da Organização das Nações Unidas para investigar crimes dessa natureza. “ Ainda está tudo em fase de elaboração, mas queremos com isso garantir a melhoria do acompanhamento de casos feminicídios, coibindo esses assassinatos”, adianta a delegada.

Gleisi Hoffmann lamenta tatuagem ofensiva à presidente Dilma

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) lamentou que, mais uma vez, a presidente da República, Dilma Rousseff, tenha sido vítima de agressões de cunho sexual.

Desta vez, um tatuador, a pedido do cliente, fez um desenho sexualmente ofensivo, sem qualquer conteúdo político ou de crítica oposicionista, e sem, ao menos, questionar a mensagem solicitada.

Segundo Gleisi Hoffmann, a tatuagem não passa de crime e a representação bruta, grotesca e animalesca apenas reforça a cultura do estupro e de violência contra as mulheres na sociedade brasileira.Gleisi Hoffmann

— É por isso, por essa permissividade, que temos meninas e mulheres sendo diariamente violentadas, invadidas, abusadas e mortas em nosso país, sem que haja punição dos culpados. Há uma impunidade crônica nos crimes de violência contra a mulher, como se a mulher fosse uma posse, a qual o homem pode ter acesso a qualquer momento.

A senadora Gleisi Hoffmann avalia, ainda, que a violência contra as mulheres tem aumentado ultimamente. E o que é pior é que alguns projetos em análise no Congresso Nacional, ao invés de servirem para impedir esse fato, podem reforçá-lo.

É o caso da proposta que dificulta o acesso de mulheres estupradas ao aborto, disse a senadora, ao lembrar ainda que a violência atinge mais as negras e jovens.

Gleisi Hoffmann disse também que a Secretaria de Direitos Humanos deve começar, a partir de hoje, a busca na rede mundial de computadores de qualquer mensagem de conteúdo agressivo a mulheres, negros, índios e população LGBT.

Agência Senado

Família recebe corpo de criança em caixa de papelão em hospital

Um caso grave de negligência e de violação aos direitos humanos ocorreu no Hospital Regional Senador Cândico Ferraz em São Raimundo Nonato, na última sexta-feira (07/11).

De acordo com o Boletim de Ocorrência – B.O, registrado por Sr. Jorziel Ferreira Dias, sua esposa, Sra. Maria Nilvânia dos Santos Lima, chegou no Hospital às 5:30h da manhã, em trabalho de parto.

Após muita insistência dos familiares, a mãe da criança só recebeu o primeiro atendimento às 10:30h, quando foi dito pelo médico que a criança já teria vindo à óbito e que seria necessário aguardar sua expulsão natural.bebê

Ainda conforme o B.O., a paciente foi levada ao centro cirúrgico somente às 19:30h, quando a criança foi retirada.

A declaração de óbito, assinada pelo médico Dr. Francisco Ronaldo da Silva (CRM 2092), atesta como causa mortis a aspiração de mecônio, insuficiência respiratória e prematuridade. Diz ainda à declaração que o feto estaria supostamente macerado e em decomposição.

A família, de lavradores humildes, natural da Localidade Boa Vista, Zona Rural de Jurema/PI, contesta a versão do médico e acredita que houve negligência no atendimento, pois na manhã do dia anterior a mãe se consultou no posto de saúde, onde se pôde ouvir normalmente os batimentos da criança, sem qualquer anormalidade.

O advogado da família, Dr. Pedro Ribeiro Mendes (OAB/PI 8303), afirma que já acionou a Delegacia Regional para as devidas providências.

“O caso é gravíssimo e a versão dos médicos do hospital destoa totalmente da realidade, pois a gestante havia se consultado no dia anterior e estava tudo certo com o bebê. É inadmissível que uma gestante que chegue no hospital apresentando sangramento e só seja atendida 5 horas depois! Estamos diante de uma negligência imperdoável, que só vem a revelar o pouco valor conferido à vida humana, notadamente daqueles que precisam se utilizar dos serviços gratuitos de saúde.”, diz o advogado Dr. Pedro Ribeiro Mendes.

O advogado ainda falou que é de causar choque a forma em que a criança foi devolvida à família, dentro de uma caixa comum de papelão, lacrada com esparadrapos. –“Não se pode compreender tamanha desumanidade, contrária não só à legislação sanitária em vigor, mas também às regras de civilidade.”, diz.

A família afirma que vai denunciar o caso também aos órgãos de defesa dos Direitos Humanos. Ainda segundo o advogado foi o segundo caso de natimorto no mesmo dia ocorrido no Hospital Regional de São Raimundo Nonato.

Homicídio culposo

O crime de homicídio culposo está previsto no Art. 121, § 3º do Código Penal e tem sua pena (detenção de 1 a 3 anos) aumentada em 1/3 se o crime resulta de inobservância de regra técnica de profissão.

A reportagem entrou em contato com o Hospital Regional porém até o fechamento desta notícia não obteve retorno.

Com informações do SãoRaimundo.com

Parnaíba receberá Oficina de Projetos Culturais

Estão abertas as inscrições para a “Oficina de Projetos Culturais: do planejamento à prestação de contas”, que será realizada em Parnaíba, próximo dia 19 de novembro, das 09h às 18h, no Auditório da OAB, edição que será realizada em parceria entre Ministério da Cultura e Prefeitura de Parnaíba, por meio de sua Superintendência de Cultura e conta com o apoio da OAB.
Parnaíba receberá Oficina de Projetos Culturais
Interessados em participar devem se apresentar na Superintendência de Cultura de Parnaíba (Casarão Simplício Dias, Centro), até o dia 13 de novembro, das 8h às 13h, ou até o fim das vagas. As inscrições são gratuitas e só poderão ser feitas presencialmente.

Voltada à capacitação de proponentes iniciantes, a oficina introduz noções gerais da Lei 8.313/1991, conhecida como Lei Rouanet, a oficina foca em projetos apoiados via incentivo fiscal federal. Os conteúdos tratam do planejamento e do ciclo de vida do projeto cultural, desde as ferramentas de elaboração às fases de processamento no MinC, que vão da inscrição à prestação de contas.

Pontos principais que devem ser cumpridos em cada etapa – aprovação do projeto, gestão financeira e de adequação, cumprimento do objeto proposto e avaliação financeira também serão apresentados.

Ascom do Município

No Piauí, jovens criam propostas de negócios através de aplicativos

propostasSair com os amigos é um dos programas preferidos de jovens em todo o mundo. Dividir uma refeição, lanches ou bebidas é também uma atividade muito comum. Mas e na hora de pagar a conta, principalmente quando envolvem muitas pessoas, como escolher a melhor forma de ‘inteirar’ o pagamento? Foi pensando em facilitar esse processo, que jovens parnaibanos desenvolvem um aplicativo que visa fomentar a divisão de gastos e aumentar a interação social entre as pessoas. Keyni Maciel, Inês Melo e Sávio Araújo, são os responsáveis por criar a ideia do aplicativo ‘Inttera’, ainda em fase de desenvolvimento. “A ideia surgiu no ambiente universitário, muitas vezes temos pouco dinheiro e queremos encontrar pessoas para beber, comer e se divertir. Então, o aplicativo vai facilitar essa interação, por isso o nome Inttera”, explica Keyni, que é estudante de Turismo.

Da área de tecnologia da informação, o jovem Sávio destaca o que o app visa fomentar uma maior interação entre as pessoas. “O aplicativo vai propor uma interação através de grupos e juntar pessoas que queiram dividir um determinado produto, seja comida ou bebida. As pessoas irão inteirar e marcar um dia em que cada um vai dizer o quanto pode contribuir e na ferramenta você também pode ver promoções, marcar o estabelecimento escolhido.

A intenção é facilitar o encontro das pessoas” destaca Sávio. Como a ideia ainda é embrionária, o grupo já realizou pesquisa para saber a aceitação do público. Segundo o estudo, 70% dos universitários e pessoas solteiras afirmaram que adorariam ter acesso ao aplicativo “Nós somos consumidores, mas sempre pensamos como algo pode contribuir na vida de todo mundo. Agora, estamos desenvolvendo o aplicativo e buscando investidores que possam financiar a ideia”, lembra Inês.

O projeto do Inttera foi um dos que participou da segunda edição da Corrida de Startups que aconteceu como parte da programação da Feira do Empreendedorismo, realizada em Parnaíba, cidade distante 318 quilômetros ao norte de Teresina.

Jornal O Dia