Polícia Federal prende mulher que tentava obter registro de psicóloga com diploma falso

Uma piauiense foi presa na sede do Conselho Regional de Psicologia 21ª Região – Piauí, na zona Leste de Teresina, ao tentar fazer o registro com um diploma falso. A prisão ocorreu na segunda (12) pela Polícia Federal.

O presidente do CRP 21ª Região, Eduardo Moita, explicou que há 15 dias a piauiense, do Sul do Piauí, que não teve a identidade revelada, solicitou a carteira profissional com um diploma de uma faculdade com sede em Pernambuco.

No processo de fiscalização dos documentos, os membros do CRP 21ª Região ligaram para a referida faculdade e constataram que a piauiense não estudou no local. Eles acionaram a Polícia Federal que conseguiu prender a suspeita no momento em que ela foi ao Conselho acreditando que iria receber a carteira profissional.

“A nossa equipe é experiente, já fez milhares de carteiras, e temos a fiscalização para verificar com cuidado o material para evitar problemas mais graves, como o social. Quando o diploma é do Piauí, a verificação é mais rápida, mas quando é de outros estados demora um pouco mais porque precisamos chegar se a faculdade existe, por exemplo”, comentou Moita.

“Ao entrarmos em contato com a PF, eles abriram um inquérito e confirmou a fraude. Então, o Conselho entrou em contato com a moça e quando ela chegou ao Conselho foi dado a voz de prisão”, acrescentou.

O curioso, segundo Eduardo Moita, é que o material do diploma, o papel-moeda, é verdadeiro, apenas o conteúdo com os dados da suspeita era falso.

Segundo Moita, a piauiense foi encaminhada a sede da Polícia Federal. A informação é de que ela responderá pelos crimes de falsidade ideológica e falsificação de documentos.

Moita ressaltou que no ano passado cinco pessoas foram presas por tentarem receber a carteira profissional com documentos falsos. Os cinco suspeitos eram do Maranhão e os diplomas eram de uma faculdade do Espírito Santo.

Por Carlienne Carpaso | Cidade Verde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.