Tentativa frustrada: Agentes abortam fuga na Penitenciária Mista de Parnaíba

Seis detentos tentaram fugir da Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, situada no município Parnaíba, na tarde desta segunda-feira (19). Dos seis detentos apenas um conseguiu êxito na fuga, um deles estava armado e disparou contra um policial militar.

Foto: Divulgação/Sejus

De acordo com o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), José Roberto, os presidiários tentaram pular o muro da unidade prisional, porém apenas um conseguiu fugir. “A tentativa de fuga foi na tarde desta segunda, eles tentaram pular o muro, só um conseguiu, os outros cinco, os agentes conseguiram impedir”, informou

O presidente do Sinpoljuspi informou também que durante a tentativa de fuga, um dos presos identificado apenas como Raul estava com uma arma de fogo em punho e atirou contra um policial militar, que estava na guarita, no entanto, os tiros não atingiram o policial, e os agentes conseguiram desarmar o detento e apreender a arma de fogo.

Os detentos que tentaram fugir serão submetidos a procedimento disciplinar e a polícia segue em diligências para recapturar o foragido. A Penitenciária Mista de Parnaíba tem capacidade para 160 detentos e, atualmente, comporta cerca de 560.

GP1

Dupla é presa em flagrante com 35 pedras de crack em Parnaíba

Dois homens identificados como Francisco José de Araújo Silva e Francisco de Assis Cardoso foram presos em flagrante pela Polícia Militar do Piauí na manhã deste domingo (18) em Parnaíba, sob acusação de tráfico de entorpecentes. Com eles foram apreendidas 35 pedras de crack.

Foto: Divulgação/Polícia Militar do Piauí

De acordo com informações repassadas pela tenente-coronel Elza Rodrigues, da diretoria de comunicação da PM-PI, a ação policial ocorreu na rua Juscelino Kubitschek, no bairro Piauí. Uma guarnição fazia rondas pela região e avistou um indivíduo adentrando uma casa de modo suspeito. Pouco tempo depois, um morador foi pedir socorro, informando que dois sujeitos haviam pulado o muro e invadido sua casa.

Foto: Divulgação/Polícia Militar do Piauí

Os policiais foram até o endereço e encontraram Francisco José e Francisco de Assis, o que havia sido visto mais cedo. Com eles foram encontradas duas pedras de crack, no que a polícia se dirigiu até a casa onde Francisco de Assis tinha sido visto.

Câmera de monitoramento

No local os policiais encontraram as 35 pedras de crack e uma balança de precisão. Chamou atenção o sistema de monitoramento com câmeras instalado na casa. A dupla foi encaminhada à Central de Flagrantes de Parnaíba, onde se tomaram as providências legais.

Transtornado Homem invade casa do vizinho com carro e agride policial militar em Parnaíba; Veja o Vídeo!

Um homem identificado como Júlio César foi preso após invadir a casa de um vizinho com um carro, atropelar uma pessoa e agredir um policial na tarde dessa quinta-feira (15), no bairro Nova Parnaíba, situado no município de Parnaíba.

De acordo com as informações repassadas pelo tenente Páscoa, do 2º Batalhão da Polícia Militar, o suspeito estava agressivo e transtornado. “O indivíduo estava trafegando em um veículo em alta velocidade. Ele atropelou uma pessoa e, em seguida, invadiu a residência da casa do vizinho com o carro. Os populares acionaram a PM e quando a equipe chegou ao local, um dos policiais foi agredido pelo acusado”, relatou.

O oficial que atendeu a ocorrência foi agredido a socos e, por conta dos machucados, foi liberado do serviço. “O PM tentou imobilizá-lo, mas o indivíduo reagiu à prisão e iniciou a agressão. O nosso colega de trabalho teve que ser dispensado do serviço por conta das lesões”, revelou.

Ao ser contido por outros militares, Júlio César foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Parnaíba, onde foi autuado por desobediência, desacato a autoridade e danos ao patrimônio.

POR: LAURA MOURA | GP1
Imagens e Vídeo: Chamada Geral

Passageiro de ônibus é preso com 29kg de cocaína

Um homem de 52 anos, identificado pelas iniciais P.S.B., foi preso em flagrante com 29,3 quilos de cocaína em um ônibus interestadual da Empresa Real Maia na manhã desta quinta-feira (15), por volta das 11h, na BR 343, km 189, localizada na cidade de Piripiri. A prisão foi realizada durante a Operação Faro II.

Foto: Divulgação/PRF

De acordo com informações repassadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), a apreensão do entorpecente foi após a realização de buscas no bagageiro externo do ônibus, através da utilização de cães farejadores. O material foi encontrado dentro de duas caixas e a bagagem era do passageiro, que ao ser interrogado pelos policiais, confessou que era o dono da droga.

O suspeito informou que havia iniciado a viagem em Belém-PA e iria para Fortaleza-CE, onde entregaria a encomenda, e contou que recebeu R$ 2.500,00 pelo transporte do entorpecente. O indivíduo foi conduzido para a delegacia da cidade de Piripiri.

GP1

Homem é preso por se masturbar em via pública nas proximidades do Residencial Caminho Da Alvorada em Parnaíba

Uma guarnição da Polícia Militar prendeu na tarde desta segunda-feira (12) um jovem identificado por Jhon Thayson, residente no Bairro São Francisco da Guarita, sob a acusação de praticar ato obsceno em via pública.

Segundo informações da Polícia Militar Jhon Thayson estava se masturbando e se mostrando para mulheres que passavam na rua do Residencial Caminho Da Alvorada. Ele foi conduzido para a Central de Flagrantes onde deverá ser autuado por prática de ato obsceno em público previsto no Artigo 233 do Código Penal Brasileiro e poderá cumprir pena se for condenado.

Segundo informações, Jhon Thayson trabalha como segurança de eventos em Parnaíba.

Por José Wilson | Jornal da Parnaíba

Polícia detalha dinâmica do crime dos corpos decapitados

A Polícia Civil, através da Delegacia de Homicídios, informou detalhes da dinâmica do assassinato ocorrido no dia primeiro de março, no Bairro Piauí, em Parnaíba, em que foram decepadas as cabeças de Paulo Henrique Lima Caldas, 48 anos, mais conhecido “Professor”, e David Soares Maciel, 29 anos, que segundo o delegado Eduardo Aquino estavam consumindo drogas na residência. Estão presas quatro pessoas, sendo um adolescente apreendido e há dois indivíduos foragidos. A ação dos delinquentes resultou nos crimes de tortura, homicídio e ocultação de cadáver.

Segundo relatou o delegado Eduardo, Luís Carlos Evangelista, 26 anos, conhecido “Lulu”, foi quem alugou a casa, e Antônio Carlos Rodrigues dos Santos Júnior, o “Júnior Preto”, era o dono da boca de fumo, em que estavam vendendo drogas. Tanto Paulo Henrique como David Soares estavam consumindo drogas fornecidas por “Júnior Preto” e o dinheiro acabou. Mas como eles tinham crédito por não ter dívidas lhes foi permitida a continuidade do consumo fiado. Os usuários disseram que tinham dinheiro.

Quando “Júnior Preto” percebeu que ambos não iam pagar. Tanto Antônio Carlos, o “Júnior Preto”, como Geovane Alisson de Sousa, trancaram os dois em um quarto, fechado com um sofá por conta da tranca quebrada. Por volta das 02h de quinta-feira (01/03), vizinhos ouviam gritos de pedido de socorro, naquele momento havia sido iniciada a tortura. Foram panadas de facão, socos, pontapés e um deles teve as sobrancelhas raspadas com lâmina de barbear. Foram em torno de quinze minutos de tortura.

A dupla agressora voltou ao terraço e continuou consumindo drogas, como estavam fazendo desde cedo. A polícia acredita que Paulo Henrique tentou sair do quarto quando Geovane e “Junior Preto” mataram o professor com um golpe no pescoço e no abdômen. O corpo foi arrastado para o quintal. Depois foi retirada a roupa de David que ficou só de cueca. Nesta oportunidade já estava também na casa o Francisco de Assis Evangelista Guedelha, 32 anos, que chegara com bebida alcoólica, e continuaram usando entorpecente.

Em seguida, por volta das 03h30 chegaram Jonas de Brito Martins, 20 anos, e o adolescente J.V.G.S, de 17 anos, para consumir drogas; mas foi pedido que retornassem em meia hora e não lhes foi permitida a entrada. Quando retornaram, entraram e receberam a informação de que o crime havia sido realizado. O corpo do professor estava inteiro. O consumo de crack continuou como se nada tivesse acontecido.

Depois foi iniciada uma discussão sobre o que seria feito com David Soares. “Junior Preto”, Jonas e o adolescente se propuseram a matar o jovem encarcerado. O Jonas disse que o “Júnior Preto” não tinha coragem para matar. O adolescente disse que amarrou David, que estava sentado no canto do quarto.

De peito para o chão, David teve um pé colocado nas costas e a cabeça puxada pelos cabelos. O garoto ainda pisou nas costas da vítima e efetuou golpes de faca. Em seguida, “Júnior Preto”, também puxou o cabelo de David e tentou decepar o pescoço com o facão; mas estava cego e se reclamava disso. “Junior Preto” passa o facão para Jonas que efetua entre cinco a oito golpes no pescoço da vítima. Depois disso, “Junior Preto” colou o facão no chão e debaixo do pescoço de David com a lâmina para cima e Jonas começou a chutar a cabeça para poder arrancar, mas sem êxito.

“Júnior Preto” torceu o pescoço com as mãos e arrancou a cabeça. Depois pegaram a cabeça de David Soares e ficaram mexendo na boca com brincadeira como se estivesse falando “eu não vou mais usar crack!”. Depois todos retomaram o uso de crack no terraço.

Pela manhã, Francisco de Assis Evangelista Guedelha, 32 anos, foi até seu comércio que fica em frente à casa alugada e pegou sabão e água sanitária. Francisco de Assis Júnior, 28 anos, o “Júnior Scooby”, chegou também pela manhã e deu a ideia de ser cavada uma cova de dois metros para enterrar os corpos e também para esquarteja-los. Luís Carlos Evangelista Guedelha, o “Lulu”, chegou, em seguida, provavelmente para receber o apurado, e depois retornou a sua casa para buscar instrumentos para dar fim aos corpos.

A ação para esquartejar e enterrar os corpos durou em torno de uma hora e meia. Todos se revezaram na ação. Depois tomaram banho, compraram vinho e foram beber como se nada tivesse acontecido. Quando a Polícia Militar chegava ao local tentando identificar a casa, o bando fugiu. Estas informações estão nos relatos dos acusados à autoridade policial. Também está presa Franciely Oliveira Pereira, 23 anos, investigada por envolvimento no crime. As prisões tiveram participação essencial da Polícia Militar. Estão foragidos Geovane Alisson de Sousa e Antônio Carlos Rodrigues dos Santos Júnior, o “Júnior Preto”.

Por Daniel Santos | Portal Costa Norte

Homem é encontrado morto em terreno baldio em Parnaíba; vítima não foi identificada

Na manhã desta quinta-feira (08), um homem foi encontrado morto em um terreno baldio na cidade de Parnaíba, no litoral do Piauí. A vítima, que ainda não foi identificada, aparentava ter cerca de 65 anos idade.

Homem ainda não foi identificada (Crédito: Blog do Pessoa)

O corpo, que segundo a Polícia Militar, não aparenta ter sinais de violência, foi encontrado na Rua Armando Burlamaqui, no bairro de Fátima. Policiais militares isolaram a área e acionaram a perícia da Polícia Civil, além do Instituto Médico Legal.

Com informações do Blog do Pessoa

Professor da rede particular é preso acusado de assediar menor em Parnaíba

A Polícia militar prendeu o professor da rede particular de ensino, Wagner Nunes Vieira, de 46 anos em flagrante, durante um ‘encontro’ com um aluno de 13 anos, no bairro Piauí, em Parnaíba. Segundo a polícia, o professor é suspeito de assediar o menor enviando fotos e mensagens de caráter pornográficas para o celular da vítima.

De acordo com a Polícia, as mensagens e fotos enviadas pelo celular do suspeito comprovam o assédio. Wagner usava palavras ‘carinhosas’, além de mandar fotos íntimas para o menor.

Segundo o tio da vitima, ele teria marcado um encontro com o menino por trás de um motel no bairro Piauí, porém o tio se passando pelo garoto confirmou o encontro.

Dois celulares do professor foram apreendidos, e segundo o tio do menor existem outras vítimas, bem como diversas mensagens de outros possíveis encontros.

O professor foi levado para o hospital Dirceu Arcoverde, pois o mesmo acabou brigando com tio da vitima e em seguida encaminhado a Central de Flagrantes.

Informações Fala Piauí

Guarnição da Polícia Militar prende casal por tráfico de drogas em Parnaíba

Uma guarnição da Polícia Militar, comandada pelo sargento Farlon Machado, tendo como patrulheiros o cabo José Maria e o soldado L. Machado, prendeu três pessoas por envolvimento no tráfico de drogas por volta das 09h30 desta terça-feira (06/03), no Bairro Piauí, em Parnaíba.

Foram presos Benedito Evaristo dos Santos, 48 anos, conhecido “Cebolinha”, e o casal Ângelo Freire de Oliveira Silva, 40 anos, conhecido “Crispim”, e Paula Emanuela Sousa Soares, 25 anos, ambos são donos de um bar onde a polícia fez a apreensão. Segundo o sargento Farlon, o “Cebolinha” descartou um frasco na presença da polícia e foi abordado. Nos bolsos havia duas porções de maconha. Dentro recipiente foram encontradas 25 pedras de crack.

Por: Daniel Santos | Portal Costa Norte

Segundo corpo decapitado é reconhecido por familiares

A outra vítima do duplo homicídio, ocorrido na noite de quinta-feira (01/03), no Bairro Piauí, em Parnaíba, em que os corpos estavam sem cabeça e mutilados, foi reconhecida por familiares no início da tarde desta segunda-feira (05/03). Os familiares estiveram no final da manhã na Central de Fragrantes tratando com o delegado Eduardo Aquino sobre o reconhecimento e em busca de documentação.

DAVID SOARES MACIEL

A outra vítima trata-se de David Soares Maciel, 29 anos, que tinha endereço no Bairro Piauí em Parnaíba e estava desaparecido desde o início da tarde da última quarta-feira (28/02). Parentes que estavam na Central da Polícia Civil informaram ao Portal Costa Norte que se trata de David. Na oportunidade, uma irmã de David disse que reconheceu ainda uma marca no pescoço que lhe tirou as dúvidas. Disse ainda que ele era usuário de drogas. O Corpo ainda não foi liberado para a família, mas alguns procedimentos legais ainda estão sendo feitos.

Por Daniel Santos  | Portal Costa Norte