Presos acusados de homicídio, latrocínio e tráfico de drogas

A Polícia Civil do Norte do Piauí, tendo a frente à Delegacia de Homicídios, Tráfico e Latrocínio de Parnaíba, cumpriu mandados de busca e apreensão e de prisão em desfavor de pessoas envolvidos em assassinatos, latrocínios e tráfico de drogas, durante a Operação Betesga por volta das 06h desta quinta-feira (14/12), com apoio do Núcleo de Inteligência da Planície Litorânea, Delegacia de Crimes contra o Patrimônio, Delegacia da Mulher, Delegacias de Luís Correia e Buriti dos Lopes. Simultaneamente outras operações estão sendo realizadas em todo o Estado do Piauí.

Foi preso Luan Pereira Azevedo, mais conhecido “Pitinho”, que tem duas representações contra o mesmo por tentativa de homicídio contra Paulo Sérgio Vieira Rodrigues, conhecido “Paulo Corcunda”, bem como envolvimento no assassinato de Wellington Portela Nascimento, conhecido “Galo Cego”. Também foi preso Hítalo Roberto Rodrigues da Silva que, segundo a polícia, é coautor da tentativa de homicídio contra Paulo Sérgio.

Já Ruan Pereira Azevedo, conhecido “Ruanzim”, irmão de Luan Azevedo, foi preso com um adolescente, acusados de autoria do homicídio contra Carlos Henrique de Morais Oliveira, ocorrido no dia 26 de agosto deste ano. Mais um mandado de prisão foi cumprido, desta vez, contra Josean Araújo Silva, conhecido “Au Au”, acusado de ser coautor de um latrocínio. O crime aconteceu no dia 20 de outubro de 2016 e a vítima Hernesto Benedito morreu no dia 30 de janeiro deste ano.

Por conta da Operação Betesga foi presa Patrícia Alves Pereira, conhecida “Paty”, com quem foi apreendida mais de quarenta pedras de crack e dinheiro trocado. Ela estava em liberdade provisória por conta de um homicídio. Segundo o delegado Eduardo Aquino os homicídios tem ligação com a disputa de pontos de venda de drogas com outra facção criminosa. Informou anda que os presos tem ficha criminal extensa.


Por Daniel Santos | Portal Costa Norte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.