Advogado sofre grave acidente após pneu estourar na BR-343

O advogado Hartônio Bandeira sofreu um acidente automobilístico na BR 343 na noite da última quinta-feira (31/12). Ele retornava a Campo Maior durante a noite quando um dos pneus do veículo em que trafegava estourou e fez com que o carro capotasse três vezes. Apesar da gravidade, o advogado saiu sem maiores ferimentos.

Advogado sofre grave acidente após pneu estourar na BR-343_01


Hartônio revelou que estava em outro município a trabalho e se dirigia a noite a Campo Maior para passar o réveillon ao lado da família no momento que aconteceu o inusitado. Numa curva, na BR 343, entre as cidades de Brasileira e Piripiri, o carro que seguia a 120 Km sofreu o capotamento.


“Os pneus do carro são novos, porém um estourou no início da curva, razão pela qual o veículo se desgovernou e começou a rodar. O carro possui 12 airbag, com cortinas, fato que fez eu não sacar fora, porque estava sem cinto de seguranças”, falou Hartônio Bandeira sobre o susto.

Advogado sofre grave acidente após pneu estourar na BR-343_02

No momento do acidente chovia. O veículo desceu o barranco, capotou três vezes e só parou a cerca de 20 metros da rodovia federal depois de bater em várias árvores. Hantônio sofreu leves ferimentos, foi socorrido por populares e encaminhado ao Hospital de Piripiri.

Advogado sofre grave acidente após pneu estourar na BR-343_03


Na sua página na rede social Facebook, Hantônio disse ter ganhado mais uma data importante e agradeceu a família e aos amigos. “Com o fim de 2015 ganhei uma nova data de aniversário, relembrei o quão importante é minha família e o sabor doce de ter verdadeiros amigos. Não peço mais nada e desejo a todos um ano novo repleto de fé, saúde e paz!!”.

Com informações do Campo Maior em Foco

Acidente mata três pessoas da mesma família e uma das vítimas era parnaibano

Três pessoas da mesma família morreram vítimas de um acidente automobilístico ocorrido por volta das 4 horas da madrugada de sábado, (12), em Formosa, Goiás. As vítimas foram: a chapadinhense Ivanarya, de 25 anos, o filho Pedro Lucas de 3 anos e o esposo Junior Silva, que era natural de Parnaíba PI. A família residia em Brasília- DF, estava em viagem para Parnaíba e posteriormente Chapadinha, onde passaria o natal e virada de ano.

catsDe acordo com Chiquinho, da Pizzaria Napolitano, que é parente de Ivanarya, comunicou por telefone ao Blog do Alexandre Cunha, que os três haviam saído na madrugada, da cidade de Brasília com destino a Parnaíba – PI, quando na cidade de Formosa-GO, o carro modelo gol que era conduzido por Junior Silva colidiu frontalmente com um caminhão baú, que vinha no sentido contrário. O caminhão atingiu em cheio o carro com a família que veio a óbito no local. O motorista do caminhão nada sofreu.

As vítimas foram encaminhadas para IML de Formosa – GO. O corpo de Ivanarya e do filho Pedro Lucas até o fechamento dessa matéria (11H30MIN) ainda não havia sido liberado, após a liberação serão levados para Brasília para o sepultamento. Quanto ao corpo de Junior Silva já foi liberado e está a caminho da cidade de Parnaíba, onde será sepultado.

Ivanarya e o filho saíram de Chapadinha já algum tempo para morar com os pais em Brasília, lá ela conheceu Junior Silva com quem casou, os dois passariam o natal e ano novo com familiares e amigos.

O parnaibano Júnior Silva era filho do Sargento PM C.Silva, lotado no 2º Batalhão Major Osmar de Parnaíba, cujo os familiares residem no bairro São José.

Blog do Alexandre Cunha
Com informações complementares Blogdoyurigomes

Moto se quebra ao meio e piloto morre em grave acidente na zona rural de Luís Correia

O motociclista Antônio José Barros Pereira, de 28 anos de idade, morreu na noite dessa quinta-feira (26/11) após sofrer um grave acidente no Km 77 da BR-402, no povoado Camurupim, zona rural de Luís Correia, litoral do Piauí. Moradores do local informaram que o fato ocorreu por volta das 19h30min.moto_03

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a vítima fatal deste acidente pilotava uma moto Honda CG Titan de cor verde, sem placa, seguindo em direção ao Estado do Ceará. Com o forte impacto, a motocicleta se partiu ao meio. O homem teve morte imediata. Familiares relataram para os policiais que Antônio José havia ingerido bebida alcoólica.

“Os dois pedaços da moto ficaram um em cada lado da rodovia. Segundo uma irmã da vítima, este rapaz já estava ingerindo bebida alcoólica desde cedo e estaria trafegando pela BR-402 em direção ao Ceará. Ainda não sabemos com quem ele possa ter colidido. Moradores do local informaram que chegaram a ver duas pessoas, em outra moto, saindo do local minutos após a colisão”, afirmou o inspetor J. Paiva, pertencente a 5ª Delegacia da PRF de Parnaíba.moto_02

Devido as proporções do acidente, os peritos do Instituto de Criminalística não descartam a possibilidade do envolvimento de um veículo de maior porte. Vestígios foram coletados no local para auxiliar nas investigações.moto_01

“Tivemos dificuldades por conta do isolamento. Acreditamos que o local possa ter sido mexido antes da chegada da perícia, o que atrapalha muito o nosso trabalho. Mas pelo impacto e as posições no qual se encontravam os pedaços da moto, não podemos descartar a possibilidade de um carro ou de um caminhão ter colidido com esse motociclista”, explicou o perito criminal Péricles Avelino.moto_04

Após o trabalho pericial, o corpo foi removido para o posto avançado do Instituto Médico Legal de Parnaíba. O trecho do acidente fica próximo ao local conhecido como “quatro bocas”, que dá acesso ao município de Cajueiro da Praia. A vítima residia no povoado Camurupim.

Por Kairo Amaral | Meio Norte

Homem sofre queimaduras de 2º grau durante fabricação de velas

Um homem identificado como Leonardo Garcia Spindola, 26 anos, residente à rua 15 de Novembro, nº 60, bairro São José, sofreu queimaduras de 2º grau em 70% do corpo. Segundo informações, Leonardo foi atingido por parafina e cera quente durante a fabricação de velas artesanais em sua residência.quimado

A vítima foi socorrida pelo SAMU (Serviço Móvel de Urgência) para o Pronto Socorro Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba.

Folha de Parnaíba

Internautas fazem piadas preconceituosas após acidente com metrô em Teresina

Após veiculação da notícia da colisão entre um metrô e trem em Teresina, que resultou em duas mortes, internautas se manifestaram na web com piadas preconceituosas. Em sites de notícias nacionais foram observados vários comentários preconceituosos com os nordestinos, em especial com os piauienses. Deputados e autoridades responsáveis estão movimentando ações para identificar os autores dos comentários, que caracterizam crime.1 Internautas

Defesa

O deputado federal Silas Freire (PR-PI) entrou com requerimento, na Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga Crimes Cibernéticos, pedindo que a Polícia Federal identifique e investigue os internautas autores de comentários preconceituosos contra o Piauí.

As ofensas as quais o deputado Silas Freire se refere, tratam-se de comentários preconceituosos contra o Piauí, Teresina e a região Nordeste, no portal G1, da Rede Globo, em uma notícia sobre a colisão entre o metrô e um trem cargueiro ocorrida em Teresina na tarde desta quarta feira, 10. Entre os comentários, relatam que Teresina é insignificante e que o transporte deveria ser de jegue, entre outras declarações discriminatórias.2 Internautas

“Um show de preconceitos foi o que se viu nesses comentários. Nenhum desses palhaços que fizeram esses comentários vão diminuir o meu Estado. Eu não gostaria de nascer em nenhum outro estado que não fosse o Piauí, pois me orgulho de ser piauiense e do meu povo”, declarou o deputado Silas Freire em tom de indignação.3 Internautas

No mesmo requerimento, o parlamentar piauiense pediu que seja oficiado ao portal G1 que explique a Comissão de Crimes Cibernéticos, quais os procedimentos utilizados para filtrar tais comentários. “A intenção desse esclarecimento é que esses internautas que comentem crime de discriminação e preconceito de procedência nacional parem de se valer do anonimato comum na internet”, destaca Silas Freire e complementa: “Vamos coibir os ataques morais praticados por esses internautas, pois esses comentários corroboram com a onda de preconceito que se agravou após as eleições presidenciais de 2014”, fala Silas.

“Nenhum nordestino aguenta mais ouvir ou ler que seu transporte popular é o jegue e a carroça ou que somos inferiores, pobres e burros”, finaliza Silas Freire.4 Internautas 5 Internautas 6 Internautas 7 Internautas 8 Internautas 9 Internautas 10 Internautas 11 Internautas 12 Internautas

Meio Norte

Jumentos saem do Piauí para serem abatidos em frigoríficos de MG e morrem no caminho

Quatorze jumentos morreram dentro da carroceria de uma carreta antes de serem desembarcados em um frigorífico, em Araguari (568 km a oeste de Belo Horizonte), na segunda-feira (9). Os animais saíram do Piauí e seriam abatidos na cidade mineira. Eles ficaram mais de 48 horas sem alimentação e água. Após denúncia, a Polícia Militar de Meio Ambiente encontrou os animais mortos. O motorista foi encaminhado à delegacia e os animais descarregados.

O carregamento contava com 137 animais e saiu da cidade de Curimatá (PI)
O carregamento contava com 137 animais e saiu da cidade de Curimatá (PI)

O carregamento contava com 137 animais e saiu da cidade de Curimatá (PI). De acordo com a Polícia Militar de Meio Ambiente, o motorista que chegou à Araguari relatou que assumiu a condução da carga, após ser chamado para substituir o condutor, em Vila Boa (GO).

“Ele não soube falar a hora que os jumentos saíram do Piauí, mas foi na sexta-feira (6). Esse problema em Goiás aumentou o tempo de viagem”, explicou o sargento Silvino Silva. Ao todo, foram cerca de dois dias, somando a viagem de mais de mil quilômetros e o tempo de espera dentro do veículo.

A polícia recebeu uma denúncia, por volta das 11h de segunda-feira, de que os animais estavam sem comida e água e que alguns estavam mortos, além do mau cheiro. A carreta foi encontrada em um posto no km 38 da BR-050 e, ainda segundo a PM, o motorista disse que chegou ao local, por volta das 22h, de domingo, entrou em contato com o frigorífico que receberia os animais, mas o local só abriria na manhã do dia seguinte.

A PM informou também que um médico veterinário foi ao local para atestar a morte dos 14 jumentos. Os animais mortos e os 123 vivos foram desembarcados no frigorífico, após a chegada dos policiais. O estabelecimento responsável pelo abate informou aos militares que desembarque não foi feito antes, devido a questões burocráticas.

O caminhão e o motorista, responsável pelos animais durante o transporte, foram encaminhados à delegacia. Segundo o sargento Silvino Silva, foi feito um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e o condutor foi liberado. O frigorífico não foi responsabilizado, visto que os animais ainda estavam na carreta.

A Polícia de Meio Ambiente informou que não foi lavrada multa administrativa, em virtude de suspensão de convênio com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). Já o órgão disse que a responsabilidade pelo caso é do Instituto Estadual de Florestas (IEF).

Campo Maior em Foco

Criança em bicicleta morre após colisão com carro, no Macapá

Um menino, de 07 anos de idade, que estava em uma bicicleta morreu após uma colisão frontal com um carro por volta das 17h deste sábado (07/11) na estrada da praia de Macapá, município de Luís Correia. A vítima identificada pelo nome de Ralyson Dias de Sousa era morador da localidade Baixa da Carnaúba, zona rural de Parnaíba.

A Perícia Criminal realizou os procedimentos.
A Perícia Criminal realizou os procedimentos.

Ralyson tinha chegado às 13h com a família na casa de parentes para passar o final de semana e foi se divertir com um primo de 09 anos de idade. Os dois foram à praia e no final da tarde brincavam de bicicleta. Ralyson Sousa estava no varão da bicicleta e seu primo a conduzia.

Um veículo I/VW Spacefox, modelo 2008, de cor preta, placas NHF 0197 Luís Correia (PI), de propriedade de Aristeu Pereira de Sousa, seguia rumo a praia quando colidiu na bicicleta que ficou destruída. O menino de 09 anos disse que saltou da bicicleta; mas como seu primo estava no varão, recebeu o impacto e sofreu fratura no crânio.1 Criança em bicicleta morre após colisão com carro, no Macapá

Segundo relataram os moradores, o homem retornou e diante da indignação das pessoas, fugiu pegando uma carona de moto. Uma guarnição da Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTUR), comandada pelo Capitão Valdeci Galeno, tendo como patrulheiro o soldado Marcos Araújo, isolou o local. As pessoas depredaram o veículo a pedradas. Os moradores relataram ainda que o menino perdeu muito sangue e sofreu convulsão, morrendo em seguida. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi até o local e constatou que de fato o menino tinha morrido. A Perícia Criminal fez os registros necessários para reconstituição da dinâmica do acidente. O corpo foi removido para o Posto Avançado do IML do litoral.5 Criança em bicicleta morre após colisão com carro, no Macapá3 Criança em bicicleta morre após colisão com carro, no Macapá2 Criança em bicicleta morre após colisão com carro, no Macapá

Por: Daniel Santos | Proparnaiba